Diferenças entre edições de "Félsico"

4 bytes removidos ,  07h45min de 9 de abril de 2008
m
Revertidas edições por 164.41.18.43, para a última versão por SieBot
m (Revertidas edições por 164.41.18.43, para a última versão por SieBot)
'''Félsico''' é um termo utilizado em [[geologia]] aplicado a [[silicato (minerais)|minerais silicatados]], [[magma]]s e [[rocha]]s, ricos em elementos leves como o [[silício]], [[oxigénio]], [[alumínio]], [[sódio]] e [[potássio]]. Este termo é uma combinação das palavras "[[feldspato]]" e "[[sílica]]". Os minerais félsicos são geralmente de cor clara e com [[Mineral#Propriedades_f.C3.ADsicas_dos_minerais|peso específico]] inferior a 3. Os minerais félsicos mais comuns são o [[quartzo]], a [[biotita|biotite]], a [[moscovita|moscovite]], [[horneblenda]], [[ortoclásioortoclase]] e os feldspatos da série das [[plagioclásiasplagioclase]]s. A rocha félsica mais comum é o [[granito]]. Na extremidade oposta do espectro de rochas encontram-se as rochas e minerais [[máfico]]s (ricos em [[ferro]]) e [[máfico|ultramáfico]]s (ricos em [[magnésio]]).
 
O termo ''rocha ácida'', por vezes usado como sinónimo, refere-se a [[rocha vulcânica|rochas vulcânicas]] com elevado teor de sílica (mais de 63% SiO<sub>2</sub> em massa), como o [[riolito]]. Este termo era utilizado de forma mais abrangente na literatura geológica mais antiga. É, hoje em dia, considerado arcaico uma vez que os termos ''rocha ácida'' e ''rocha básica'' baseavam-se na ideia incorrecta do século XIX segundo a qual o [[ácido silícico]] era a principal forma de ocorrência do silício nas rochas.
40 095

edições