Telegrama Zimmermann: diferenças entre revisões

m
Ajustes (1.15.2)
m (Bot: Adicionando: fa:تلگراف زیمرمن; mudanças triviais)
m (Ajustes (1.15.2))
{{sem-fontes|data=Julho de 2008}}
[[Ficheiro:Ztel1b.jpg|thumb|O telegrama Zimmermann como foi enviado de Washington ao México.]]
O '''Telegrama Zimmermann''' ([[Língua alemã|Alemão]]: ''Zimmermann-Depesche''; [[Língua espanhola|Espanhol]]: ''Telegrama Zimmermann'') foi um [[telegrama]] codificado despachado pelo ministro do exterior do [[Império Alemão]], [[Arthur Zimmermann]], em [[16 de janeiro]] de [[1917]], para o [[embaixador]] [[Alemanha|alemão]] no [[México]], [[Heinrich von Eckardt]], no auge da [[Primeira Guerra Mundial]].
 
<blockquote>
"No começo de fevereiro nós planejamos começar um irrestrita guerra submarina. A despeito disso, é nossa intenção nos empenharmos em manter o Estados Unidos da América neutro.
 
<p>
No caso disso não ser bem sucedido, nós propomos uma aliança com as seguintes bases ao México: Que nós façamos guerra juntos e façamos paz juntos. Nós forneceremos um generoso suporte financeiro, e no nosso entendimento o México virá a reconquistar os territórios perdidos do Novo México, Texas e Arizona. Os detalhes do assentamento são deixados para você.
 
<p>
Você está instruído a informar o Presidente [do Mexico] sobre acima na maior confidência assim que for certo que irá haver uma deflagração de guerra nos Estados Unidos e sugerir ao Presidente, em sua própria iniciativa, o convite ao Japão para imediatamente aderir a esse plano; ao mesmo tempo, oferecer-se para mediar as conversas entre Japão e nós mesmos.
 
<p>
Por favor chame a atenção do Presidente que o emprego implacável de nossos submarinos agora oferecem a perspectiva de forçar a Inglaterra a declarar paz em alguns meses."</blockquote>
 
94 507

edições