Força Aérea Brasileira: diferenças entre revisões

204 bytes adicionados ,  18h55min de 14 de abril de 2010
(→‎Equipamento: corrigidas várias gralhas no texto)
 
Programas ainda pendentes:
* FX-2 - Novo caça interceptor, programa retomado pelo governo brasileiro em 2007, e prevê a compra de até 36 caças de 4ª/5ª geração em 4 anos. Dentre os caças almejados pelo governo, os dois principais que concorrem na licitação são o [[Dassault Rafale]], da França e o Sukhoi Su-35 [http://en.wikipedia.org/wiki/Su-35](em inglês), da Rússia. Em abril de 2008, o Ministério da Defesa informou o desejo de "engavetar" o projeto F-X2, mas em troca de um projeto mais "ousado", que envolveria o desenvolvimento de um caça nacional. Em setembro, do mesmo ano, deverá ser anunciada a decisão, porém apenas essa possibilidade já assusta a Aeronáutica. No dia 16 de Abril de 2008, o jornal Correio Braziliense anunciou que o Brasil entrou no projeto do caça de 5ª Geração [[Programa russo Pak-fa T-50|PAK-FA T-50]], porém ainda não confirmado por nenhuma agência governamental. No dia 2 de julho de 2008 o Comando da Aeronáutica emitiu nota oficial informando que requisitou informações ([[Request for Information]] - RFI) para fornecimento de um caça para o programa FX-2 às empresas: as norte-americanas [[Boeing]] ([[F/A-18 E/F Super Hornet]]) e [[Lockheed Martin]] ([[F-35 Lightning II]]), a francesa [[Dassault]] ([[Rafale]]), a russa [[RosoboronexportSukhoi]] ([[Sukhoi]] [[SUSu-35|Su-35 Super Flanker]]), a sueca [[Saab]] ([[JAS-39 Gripen]]) e o consórcio europeu [[Eurofighter]] ([[Eurofighter Typhoon|Typhoon]]. Nesta nova fase do projeto o caça norte-americano [[F-16]] foi substituídosubstituido pelo também norte-americano, mas de 5ª geração, [[F-35]].<ref>[http://www.fab.mil.br/portal/capa/index.php?mostra=499 FAB - NOTA À IMPRENSA - FX-2]</ref>
* Os três finalistas escolhidos sãoforam o Rafale F3, o F/A-18E/F Super Hornet e o JAS-39 Gripen NG. Estava previsto que o novo caça supersônico multifuncional escolhido para reequipar a FAB fosse anunciado no final de 2009, mas em 7 de Setembro de 2009, os presidentes Lula da Silva e Nicolas Sarkozy anunciaram a "abertura de negociações" com a Dassault para a compra do caças. Porém, nota posterior da FAB ressaltava que o programa não estava encerrado, pois as análises técnicas não estavam encerradas e que as concorrentes teriam uma última chance de melhorar suas ofertas.
* Devido ao vazamento de uma versão preliminar do relatório técnico no começo de 2010, a decisão foi postergada para marçomaio/abriljunho de 2010.<ref>{citar web|url=http://www.dgabc.com.br/News/5803787/jobim-diz-que-lula-escolhera-cacas-da-fab.aspx|titulo=Jobim diz que Lula escolherá caças da FAB|acessodata=14/04/2010}</ref>
 
==Equipamento==
1 289

edições