Diferenças entre edições de "Laudo de Camargo"

1 byte removido ,  03h45min de 14 de junho de 2011
 
==Biografia==
Bacharelou-se pela [[Faculdade de Direito do Largo de São Francisco]], turma de 1902. Advogou em sua cidade natal até, em 1905, ser nomeado promotor público da comarca de [[Serra Negra]]. Em 1908, removido para [[São José do Rio Pardo]] quando foi nomeado juiz de direito de [[Itaporanga]] em 1910, [[CajurúCajuru]] em 1911, [[São Simão]] em 1912, [[Ribeirão Preto]] em 1915, e [[Santos]] em 1922. Mediante nova promoção foi elevado a juiz de direito da capital, em 1927. Sobrevindo o movimento revolucionário de 1930, um dos primeiros atos do novo governo foi mudar a composição do Tribunal de Justiça paulista, forçando alguns magistrados á aposentadoria e nomeando outros sem ligação ao governo do Partido Republicano. Coube a Lauro de Camargo ser agraciado com um lugar na terceira câmara do citado tribunal. Assim o novo ministro foi empossado no dia 27 de novembro de 1930, no gabinete do presidente Manuel Policarpo.
 
== Chefe do Governo paulista ==