Diferenças entre edições de "Tensão (física)"

202 bytes adicionados ,  22h37min de 21 de agosto de 2011
 
Em seções paralelas diversas o estudo é feito através de diagramas de de Momento Fletor M, diagrama de força cortante τ e diagrama de força normal σ, onde o eixo horizontal representa as seções analisadas e o vertical a força atuante que são iguais às tensões resistentes conforme a terceira lei de Newton, também chamada de lei da ação e reação.
 
O princípio básico é que se as forças solicitantes (cargas e peso próprio) e os esforços resistentes (tensões) em um plano qualquer da estrutura não fossem iguais, o corpo estaria em movimento.
 
Estes gráficos denotam principalmente as tensões máximas e respectivas seções solicitadas que são dados essenciais para cálculo e dimensionamento da estrutura.
 
Em estudos mais avançados utiliza-se o [[Círculo de Mohr]] para o cálculo das tensões atuantes em cada plano interno de qualquer inclinação denominado seção.
 
Os materiais em geral sãosuportam muito resistentesbem àa tensão de compressão, menos à tensão de cizalhamento e são de pouca resistência à tensão de tração.
Para uma ideia da enorme diferença de resistência nota-se que a matéria do núcleo dos planetas suporta o peso do astro inteiro absorvendo apenas tensões de compressão.
 
A tensão de compressão originada por força atuando ao longo de um só eixo causa deformações diferenciais que geram outros esforços internos causando o rompimento por tensões de cisalhamentotração ou traçãocisalhamento.
 
==Unidades de tensão==
134

edições