Abrir menu principal

Alterações

3 bytes adicionados ,  17h24min de 20 de setembro de 2006
 
== Cosmogonia ==
A Ogdóade de Hermópolis era acompanhada de um relato sobre a criação do mundo., Asque quatronão divindadesse viviamconhece dentroatravés de um [[oceano]]único texto, nummas equilíbriode quefragmentos foinos quebrado;[[Textos destedas desequilíbrioPirâmides]], surgiriano uma[[Papiro explosãoHarris]], responsávelbem pelacomo criaçãoatravés de um monte onde foi colocado um ovo de onde nasce Ré, divindade criadoratextos da humanidade. O mito apresentava algumasera variantesptolemaica.
 
No meio das águas primordiais nasce uma [[ilha]], chamada Ilha das Chamas ou Ilha do Fogo, sobre a qual mais tarde se construiria a cidade de Hermópolis. Nesta ilha os deuses colocam um [[ovo]], do qual nascerá o deus Ré, responsável pela criação do mundo. No que diz respeito às origens do ovo, o mito não é claro: ele pode ter sido posto por um [[ganso]], um [[falcão]] ou um [[íbis]]. Numa versão do mito, o ovo foi criado pelo deus [[Chu]].
Numa delas o mundo tivera origem num ovo posto por uma [[ganso|gansa]] celeste que ao grasnar quebrou o silêncio do mundo (era por isso denominada como a "Grande Grasnadora"). Este ovo foi posto num monte e continha Ré. Noutra versão o ovo tinha sido posto por uma [[íbis]] e era visto como uma oferta do deus Tot, uma vez que a íbis estava associada a este deus.
 
Outra versão do mito envolvia uma flor de lótus. Os elementos masculinos da Ogdóade ejaculam para esta flor que flutuava no oceano. Quanto esta flor se abre surge um menino, o deus solar Ré.
Outras duas variantes diziam respeito a uma flor de [[lótus]]. Esta emergia das águas do "mar dos Dois Punhais". Quando as pétalas da flor se abriram saiu delas uma criança divina, Ré. Na última variante, o lótus abriu-se e mostrou um [[escaravelho]], que era um símbolo do deus sol Ré quando nascia de manhã; o escaravelho transformou-se num rapaz que chorava, cujas lágrimas deram origem à humanidade.
 
O clero de [[Tebas (Egipto)|Tebas]], que tinha em [[Amon]] a divindade mais importante, desenvolveu outra versão que integrava este deus: de [[Kematef]], uma serpente que era uma manifestação de Amon, nasce outra, Irta, que cria os deuses da Ogdóade.
 
== Referências ==
12 120

edições