Diferenças entre edições de "Catástrofe do ultravioleta"

29 bytes adicionados ,  16h23min de 16 de novembro de 2012
sem resumo de edição
(Desfeita a edição 31681193 de 187.20.69.22)
De acordo com as previsões do electromagnetismo clássico, um [[corpo negro]] ideal em equilíbrio térmico deve emitir uma certa quantidade de energia em cada frequência. Quando se calcula a quantidade total de energia emitida de acordo com a teoria clássica, observa-se que para comprimentos de onda maiores a teoria clássica concorda com a observação experimental, mas para comprimentos de ondas menores a intensidade da radiação emitida tende para o infinito, que não concorda com os experimentos, daí o nome de catástrofe do ultravioleta. Teve-se, então, uma das primeiras indicações de que existia problemas irresolúveis no campo da [[física clássica]]. A solução para este problema levou ao desenvolvimento das primeiras formas de [[física quântica]].
 
==Problema==
 
 
==Solução==
{{esboço-física}}
 
Utilizador anónimo