Diferenças entre edições de "Dons do Espírito Santo"

14 bytes removidos ,  14h21min de 11 de fevereiro de 2014
Correção ortográfica: estava escríto "sensacionismo" ao invés de "cessacionismo"
(Correção ortográfica: estava escríto "sensacionismo" ao invés de "cessacionismo")
'''Dons do Espírito Santo''' ou [[Carismas] conforme algumas denominações cristãs, assim como as [[pentecostalismo|pentecostais]], são dons que foram concedidos aos [[cristãos]] para fortalecer a [[Igreja]]. Eles são descritos no [[Novo Testamento]], principalmente em [[I Coríntios]] 12, [[Carta aos Romanos|Romanos]] 12 e [[Epístola aos Efésios|Efésios]] 4.
 
Alguns acreditam que a sua operação limitou-se a [[igreja primitiva]]. Conforme algumas denominações [[protestantismo|protestantes]] alguns dons espirituais, por exemplo como [[falar em línguas]] e [[interpretação de línguas]], só foram usados por um tempo curto até a Igreja sair de sua infância, e não mais depois. Essa visão é conhecida como [[cessacionismo|sensacionismo]]. Essa opinião é mantida por [[John Fullerton MacArthur|John F. MacArthur, Jr.]], Robert L. Thomas e muitos outras [[denominações cristãs]] de linha central. Em contraste, alguns outros estudiosos cristãos como [[Wayne Grudem]] e [[Gordon Fee]] sustentam o [[continuacionismo]]
 
==Enumeração dos Dons==
2

edições