Abrir menu principal

Alterações

491 bytes removidos, 03h54min de 14 de fevereiro de 2014
m
Reversão de uma ou mais edições de 187.26.28.137 para a versão 36510765 de Zelani ("Instrumento maligno"? Extrema parcialidade... ), com Reversão e avisos.
 
{{Quote2|''Quando vi que o seu procedimento não era segundo a verdade do [[Evangelho]], disse a Pedro, em presença de todos: Se tu, que és judeu, vives como os gentios, e não como os judeus, com que direito obrigas os pagãos convertidos a viver como os judeus?''|[[Epístola aos Gálatas|Gálatas]] 2,14}}
 
Também não se pode afirmar a infalibilidade do apóstolo Pedro porque logo após ele ser exaltado por Jesus, Pedro deixa se ser usado por Satanás, vejamos o versículo seguinte
 
[[Mateus 16:23|'''Mateus 16:23''']] - '''"''' '''Ele, porém, voltando-se, disse a Pedro: Para trás de mim, Satanás, que me serves de escândalo; porque não compreendes as coisas que são de Deus, mas só as que são dos homens."'''
 
Como uma pessoa infalível pode ser usado como instrumento maligno?
 
Mas, censurar São Pedro não quer dizer negar a sua autoridade como Papa.{{Carece de fontes|data=julho de 2013}} Aliás, a infalibilidade papal só é válida quando o Papa fala ''ex cathedra'' em situações solenes especiais, onde estão em questão a clarificação definitiva de certas verdades relativas à fé e à moral.