Diferenças entre edições de "Nefrídeo"

627 bytes adicionados ,  19h08min de 24 de junho de 2014
Coloquei um novo conceito.
m
(Coloquei um novo conceito.)
Etiquetas: Editor Visual gettingstarted edit
Os '''nefrídios''' são os "rins" dos invertebrados. São basicamente estruturas tubulares que comunicam com o exterior por meio de uma abertura (poro), o nefridióporo. A extremidade interna do túbulo pode ser fechada entroncando em células terminais (<strong>solenócitos</strong>, células-chama) e denomina-se <strong>protonefrídio</strong> ou aberta no celoma através de uma espécie de funil ciliado (o nefróstoma) e denomina-se <strong>metanefrídio.</strong>
{{revisão-sobre|Biologia|data=maio de 2012}}
 
Os nefrídios têm como função transferir para o exterior substâncias nocivas ao organismo e manter o ambiente interno estável; funcionam na excreção e <strong>osmorregulação</strong>.
 
'''Nefrídeo''' ou '''celomadutos''' (nomeclatura mais atual) é um órgão encontrado em animais do filo '''[[Annelida]]''' e '''[[Moluscos|Molluscus]]'''. É uma espécie de bomba adaptada a retirar produtos de excreção do [[celoma]] e dos [[vasos sanguíneos]] que o cercam, e eliminá-los para fora do corpo pelos poros excretores ventrais, na forma de uma espécie de [[urina]], rica em [[amônia]] e [[ureia]], mantendo a estabilidade química do organismo.