Diferenças entre edições de "Teatro Garrett"

589 bytes adicionados ,  12h37min de 27 de março de 2015
melhor rec
(melhor rec)
|capacidade = 485
}}
'''Cine-Teatro Garrett''', primitivamente e historicamente denominado '''Teatro Garrett''' ou '''Theatro Garrett''', é um [[teatro]] localizado na cidade da [[Póvoa de Varzim]], em [[Portugal]]. Localiza-se junto ao [[Largo David Alves]] no número 13 na que é hoje denominada rua José Malgueira, antiga rua da Senra. O primeiro Teatro Garrett surgiu em 1873 na Praça do Almada, sendo que o presente é de 1890, foi assim o que teve maior impacto social e longevidade. No final do século XX, com a popularidade dos cinemas, passou a designar-se '''Cine-Teatro Garrett''', se bem que tenha sido sempre conhecido apenas como '''Garrett'''.
 
O primeiro Teatro Almeida Garrett, construído em madeira, surgiu em 1873 na [[Praça do Almada]]. Em 4 de Setembro de 1876, foi construído, em madeira, o Teatro Sá da Bandeira. Após a demolição deste velho teatro que funcionava no gaveto da Rua do Norte (hoje Rua da Alegria) com o Largo do Rego (hoje Largo David Alves) foi construído o Teato Garrett em 1890, este último sobrevive até aos dias de hoje, surjiu após a demolição do velho Teatro Sá da Bandeira, para onde transitaram quase todos os grandes actores portugueses e artistas com fama mundial. O Garrett foi assim o que teve maior impacto social e longevidade. No final do século XX, com a popularidade dos cinemas, passou a designar-se '''Cine-Teatro Garrett''', se bem que tenha sido sempre conhecido apenas como '''Garrett'''.
Pelo Garrett passaram o que havia de melhor no teatro português: [[João Villaret]], [[Laura Alves]], [[Ruy de Carvalho]] e o brasileiro [[Procópio Ferreira]]. Actuavam também no Garrett, osquestras ligeiras e sinfónicas, tunas, espectáculos de variedades e grandes comícios políticos e conferências.<ref name="poveirinhos">{{Referência a livro | autor = Azevedo, José de | título = Poveirinhos pela Graça de Deus | editora = Na Linha do horizonte - Biblioteca Poveira CMPV | ano = 2007}}</ref>
 
Pelo Garrett passaram o que havia de melhor no teatro português: [[João Villaret]], [[Laura Alves]], [[Ruy de Carvalho]] e o brasileiro [[Procópio Ferreira]]. Actuavam também no Teatro Garrett, osquestras ligeiras e sinfónicas, tunas, espectáculos de variedades e grandes comícios políticos e conferências.<ref name="poveirinhos">{{Referência a livro | autor = Azevedo, José de | título = Poveirinhos pela Graça de Deus | editora = Na Linha do horizonte - Biblioteca Poveira CMPV | ano = 2007}}</ref>
 
==História==
10 860

edições