Abrir menu principal

Alterações

Sem alteração do tamanho, 06h35min de 14 de maio de 2016
sem resumo de edição
A '''Supercopa João Havelange''' (também conhecida como '''Supercopa Sul-Americana''' ou '''Supercopa Libertadores''') foi uma competição que reunia todos os clubes que haviam sido campeões da [[Copa Libertadores da América|Libertadores da América]] (com exceção do Vasco da Gama, convidado em 1998 por ter vencido a competição predecessora da Libertadores em 1948). Durante o período que foi realizada, o campeão da competição disputava o título da [[Recopa Sul-Americana]] contra o campeão da [[Taça Libertadores da América|Copa Libertadores]] no ano seguinte.<ref>{{citar web|título=Supercopa Sul-Americana|url=http://www.conmebol.com/virtual/super_copa_sudamericana.html|obra=Site da Conmenbol|acessodata=11 de Janeiro de 2015}}</ref>
==História==
Disputada entre [[1988]] e [[1997]], a partir de [[1998]] foi substituída pela [[Copa Mercosul]] (que posteriormente seria substituída pela [[Copa Sul-Americana]] em [[2002]]). O campeão da '''Supercopa''' classificava-se automaticamente para a disputa da [[Recopa Sul-Americana]], juntamente com o campeão da [[Taça Libertadores da América|Copa Libertadores]]. O campeão ganhava vaga na [[Recopa Sul-Americana]], devido que a Supercopa era a segunda competição mais antigaimportante da América do Sul.
 
O [[Corporación Deportiva Club Atlético Nacional|Atlético Nacional]] sagrou-se campeão da Libertadores em 1989 pela primeira vez e foi incluído na Supercopa no mesmo ano, o que também aconteceu com o [[Club Social y Deportivo Colo Colo|Colo-Colo]] em 1991 e com o [[São Paulo Futebol Clube|São Paulo]] em 1992. Em 1994, o [[Club Atlético Vélez Sársfield|Vélez Sársfield]] ganhou a Libertadores uma semana antes do início da Supercopa, adiando a sua entrada para o ano seguinte.
Utilizador anónimo