Diferenças entre edições de "Ciência da informação"

3 640 bytes adicionados ,  12h38min de 3 de maio de 2017
Adicionei o cabeçalho Relação da Ciência da Informação com a Comunicação
(Adicionei o cabeçalho Relação da Ciência da Informação com a Comunicação)
A Ciência da Informação passou a ser uma instituição de reflexão da informação<ref>BARRETO, Aldo de Albuquerque. A condição da informação. ''São Paulo em Perspectiva'', São Paulo, Fundação Seade, v. 16, n. 3, p. 04-06, 2002.</ref>, com o um campo que estuda a ação mediadora entre a informação e o conhecimento acontecido no indivíduo. Nesse sentido, a Ciência da Informação difere da Biblioteconomia pelo valor colocado no foco com cada área “reflete” a importância relativa dos fluxos de informação que são internos e os voltados para exterior em um sistema de armazenamento e recuperação da informação. A Biblioteconomia olha, essencialmente, para um fluxo interno o seu sistema, que passa pela seleção, aquisição, catalogação, classificação, indexação, armazenamento, recuperação e disponibilidade para uso de itens de informação.
A Ciência da Informação introduz um pensamento mais direcionado aos fluxos externos, localizados nas extremidades do fluxo interno a que foram referidos antes.
 
== Relação da Ciência da Informação com a Comunicação ==
A Ciência da Informação pode ser definida, segundo Oliveira, como “o estudo dos fenômenos ligados à produção, organização, difusão e utilização de informações em todos os campos do saber”. Sua origem está relacionada, brevemente citando, à biblioteconomia, à bibliografia e à documentação.
 
Já a Ciência da Comunicação, segundo Melo, “tem como objeto central a informação, transmitida por um comunicador a um receptor, utilizando um canal e um sistema de códigos específicos e posteriormente recuperados para a transmissão de novas informações”. Ela pode ser dividida em três vertentes, o jornalismo, a publicidade e o cinema.
 
As duas ciências são interdisciplinares em seus estudos, porque abrangem outras áreas do conhecimento, como história, antropologia, sociologia, para completar a aprendizagem para a formação de profissionais capazes e dão suporte a outros campo do saber.
 
A Ciência da Informação estuda a informação como um fenômeno, que precisa de um processo para se efetivar. Já a Comunicação, pensa na informação como um processo, que necessita de um fenômeno para se originar e para ter o que processar. Ambas se interessam pela informação e na atenção ao público.
 
Essas duas se diferem quanto ao “objeto” de conhecimento. Para a Biblioteconomia, que se preocupa com a geração de novos conhecimentos, “a informação tem o papel de gerar conhecimentos, por isso se estuda de forma particular a seleção, a aquisição, o tratamento, a organização e as formas de acesso e uso da informação sempre visando o público que a receberá”. Já o jornalismo, segundo Beltrão, é “a informação de fatos correntes, devidamente interpretados e transmitidos periodicamente à sociedade, com o objetivo de difundir conhecimentos e orientar a opinião pública, no sentido de promover o bem comum”.
 
Ambas as ciências se complementam no âmbito de que a Ciência da Informação processa todo o conteúdo, o que economiza o tempo para a Comunicação, que não precisa realizar tudo novamente.
 
Elas possuem uma relação local. A ligação entre os dois campos de estudos é diferente entre os países e suas próprias formações no currículo são diferentes.
 
Sua relação institucional é definida pela ligação entre as duas disciplinas nos organismos de ensino, pesquisa e extensão. Algumas universidades, como a Faculdade de Biblioteconomia e Comunicação da Universidade Federal do Rio Grande do Sul (FABICO/UFRGS).<ref>{{citar periódico|ultimo=Freires|primeiro=Thiago|data=Dezembro de 2007|titulo=Relações entre a Ciência da Informação e as Ciências da Comunicação: um estudo dos conceitos de representação documentária, mediação e comunicação científica|jornal=|doi=|url=http://rabci.org/rabci/sites/default/files/TCC-Freires.pdf|acessadoem=03/05/2017}}</ref>
 
Entre elas pode ser estabelecida uma relação comparativa, pelo fato da utilização da literatura científica de uma delas para procurar novas linhas de pensamento para a outra.
 
Tanto a Ciência da Informação como a Comunicação tem o intuito de produzir e transmitir as formas e os conteúdos simbólicos das culturas e sociedades. Além de as duas serem campos de estudos dos significados.<ref>{{citar periódico|ultimo=Januário|primeiro=Sandryne|data=2010|titulo=A RELAÇÃO INTERDISCIPLINAR ENTRE A CIÊNCIA DA INFORMAÇÃO E A CIÊNCIA DA COMUNICAÇÃO: O ESTUDO DA INFORMAÇÃO E DO CONHECIMENTO NA BIBLIOTECONOMIA E NO JORNALISMO|jornal=|doi=|url=|acessadoem=03/05/2017}}</ref>
 
== Paradigma da ciência da informação ==
5

edições