Diferenças entre edições de "Segunda Epístola aos Tessalonicenses"

5 bytes adicionados ,  01h40min de 18 de junho de 2017
m
ajustes usando script
(O texto anterior não alertava ao leitor que Bart D. Ehrman é ateu e um crítico feroz do cristianismo, portanto uma fonte não-isenta que é utilizada sem a devida contextualização.)
m (ajustes usando script)
{{revisão}}
{{mais fontesnotas|data=junho de 2017}}
{{Novo Testamento}}
A '''Segunda Epístola aos Tessalonicenses''' - é como é conhecida a segunda [[epístola|carta]] que o [[apóstolo]] [[Paulo de Tarso|S. Paulo]] redigiu aos habitantes de [[Tessalônica]].
 
Entre os acadêmicos e estudiosos, há controvérsia a respeito de se atribuir a autoria desta epístola ao Apóstolo Paulo. Muitos{{quem?}} argumentam que seu estilo literário e [[vocabulário]] são muito similares ao da [[primeira epístola aos tessalonicenses]]. Outros não negam esta semelhança, porém chamam a atenção para o conteúdo desta epístola em relação à primeira. Como salienta [[Bart Ehrman|Bart Ehrman,]], escritor ateu e crítico do cristianismo:{{quem?}}
 
:''"A chave para considerar que II Tessalonicenses foi escrita por ele é que sua [[tese]] principal parece contradizer o que o próprio Paulo disse em I Tessalonicenses."''.<ref>(Erthman, Bart; Jesus interrupted, pg 141)</ref>.
 
:''"A chave para considerar que II Tessalonicenses foi escrita por ele é que sua [[tese]] principal parece contradizer o que o próprio Paulo disse em I Tessalonicenses."''<ref>(Erthman, Bart; Jesus interrupted, pg 141)</ref>.
Segundo a primeira epístola, o [[Segunda vinda de Cristo|retorno de Cristo]] seria inesperado, repentino. Já na segunda, o fim não seria imediato, repentino, inesperado, mas precedido de vários sinais que o indicariam.