Diferenças entre edições de "Orides de Lourdes Teixeira Fontela"

Sem alteração do tamanho ,  03h46min de 9 de agosto de 2017
m
sem resumo de edição
(Acrescentei dados sobre a vida da poeta, incluindo a causa da sua morte.)
Etiquetas: Editor Visual Edição via dispositivo móvel Edição feita através do sítio móvel
m
'''Orides de Lourdes Teixeira Fontela''' ([[São João da Boa Vista (São Paulo)|São João da Boa Vista]], [[1940]] — [[Campos do Jordão]], [[1998]]) foi uma [[poesia|poeta]] [[brasil]]eira de tendência contemporânea <ref>{{citar web|url=http://www.releituras.com/ofontela_menu.asp|titulo=Orides Fontela (biografia)|autor=Projeto Releituras|data=|publicado=|acessodata=25-8-2010}}</ref>.
 
Publicou trabalhos no ''O Município'', periódico de sua terra natal e no Suplemento Literário do jornal [[O Estado de S. Paulo]]. Formada pelo curso de [[Filosofia]] da [[Universidade de São Paulo]] <ref>{{citar web|url=http://www.revistajornaldepoesia.agulha.nomjor.br/of.html#bio|titulo=Orides Fontela, Bio-bibliografia|autor=Jornal de Poesia|data=|publicado=|acessodata=24-11-2010}}</ref>. Foi premiada com o [[Prêmio Jabuti de Literatura|Jabuti de Poesia]], em [[Anexo:Lista de ganhadores do Prêmio Jabuti#1983|1983]], em função ao livro ''Alba'', recebeu também o prêmio da [[Associação Paulista de Críticos de Arte]], pelo livro ''Teia'', em [[1996]]. Em 2007 o Ministério da Cultura homenageou-a com a [[Ordem do Mérito Cultural]], categoria Grã-Cruz. Maria Helena Teixeira de Oliveira, prima da poeta, foi quem recebeu a condecoração das mãos do Presidente da República, Luis Inácio Lula da Silva. A cerimônia aconteceu no Palácio das Artes, na cidade de [[Belo Horizonte]].
 
O mundo proporcionou à poeta momentos agudos de depressão e solidão, além de costumeiras dificuldades financeiras. Tanto que ela recebeu apoio dos amigos Antonio Candido, Davi Arrigucci Jr. e Marilena Chauí. Seu drama pessoal era traduzido além da página. O peso da realidade lhe conduzira várias vezes ao suicídio.
23 872

edições