Diferenças entre edições de "Constituição de Weimar"

6 bytes removidos ,  12h26min de 19 de outubro de 2017
O trecho, em verdade, faz referência à Constituição mexicana de 1917 (não à de 1824), marco revolucionário na consagração dos direitos sociais, a qual serviu de base para elaboração da Constituição de Weimar.
(O trecho, em verdade, faz referência à Constituição mexicana de 1917 (não à de 1824), marco revolucionário na consagração dos direitos sociais, a qual serviu de base para elaboração da Constituição de Weimar.)
A Constituição de Weimar de 1919, não abolia formalmente o [[Império Alemão]], mas lhe dava uma nova fisionomia, democrática e liberal. A nova constituição substituiu a personalidade do Imperador ou Kaiser pela do Presidente Imperial ou Presidente do Império, que era eleito democraticamente pelo povo, que por sua vez, nomeava o [[Chanceler]] do Império, que não mais respondia ao [[Imperador]] (neste caso, ao Presidente) e sim ao [[Parlamento]] (alemão: ''Reichstag'').
 
A Constituição de Weimar, trilhou a mesma via da [[Constituição mexicanado de 1824México|Carta mexicana]], e previu em seu texto todas as convenções aprovadas pela então recém-criada [[Organização Internacional do Trabalho]].{{Carece de fontes|data=novembro de 2013}}
 
{{referências}}