Diferenças entre edições de "Lúcio Júnio Cesênio Peto (cônsul em 79)"

sem resumo de edição
'''Lúcio Júnio Cesênio Peto''' ({{lang-la|''Lucius Junius Caesennius Paetus''}}) foi um [[senador romano]] da [[gente (Roma Antiga)|gente]] [[Júnios|Júnia]] nomeado [[cônsul sufecto]] para o [[nundínio]] de março a junho de 79 com [[Públio Calvísio Rusão Júlio Frontino]]<ref>Paul Gallivan, [http://www.jstor.org/stable/638472 "The Fasti for A. D. 70-96"], ''[[Classical Quarterly]]'', 31 (1981), pp. 189, 215</ref>. Era filho de [[Lúcio Cesênio Peto]] e Flávia Sabina, filha de [[Tito Flávio Sabino (cônsul em 47)|Tito Flávio Sabino]] e sobrinha de [[Vespasiano]]<ref>Ronald Syme, [http://www.jstor.org/stable/299917 "The Enigmatic Sospes"], ''Journal of Roman Studies'', 67 (1977), p. 44</ref>.
 
== Carreira e família ==
Peto serviu como [[tribuno militar]] em 62 com [[Cneu Domício Córbulo]] no oriente<ref>[[Tácito]], ''[[Anais (Tácito)|Anais]]'' XV.28</ref>. Apesar das derrotas de seu pai, sua carreira aparentemente não foi muito afetada, pois foi [[governador romano da Síria|governador da Síria]] entre 70 e 72, cônsul sufecto em 79 e finalmente [[procônsul da Ásia]] entre 93 e 94<ref>Werner Eck, "Jahres- und Provinzialfasten der senatorischen Statthalter von 69/70 bis 138/139", ''Chiron'', 12 (1982), pp. 287, 290, 321</ref>.
 
Peto casou-se com Árria Antonina, filha de [[Cneu Árrio Antonino]], cônsul sufecto em 69, e irmã de Árria Fadila, a mãe do futuro imperador [[Antonino Pio]]. O casal teve um filho, [[Lúcio Cesênio Antonino]], que foi cônsul sufecto em 128.
 
== Árvore genealógica ==
{{Árvore genealógica da Dinastia nerva-antonina}}
== Ver também ==
{{Cônsules do Império Romano