Abrir menu principal

Alterações

102 bytes adicionados, 15h28min de 28 de fevereiro de 2018
Informações presentes em Inácio de Antioquia, que eram meramente especulativas, fiz o favor de remove-las e acrescentar informações extras sobre a origem da Mariologia.
===Inácio de Antioquia===
{{AP|[[Inácio de Antioquia]]}}
Santo Inácio de Antioquia (também conhecido como Teóforo) (''c'' . [[35]]-[[110]])<ref>Ver "Ignatius" in ''The Westminster Dictionary of Church History'', ed. Jerald Brauer (Philadelphia: Westminster, 1971) e David Hugh Farmer, "Ignatius of Antioch" in ''The Oxford Dictionary of the Saints'' (Nova York: Oxford University Press, 1987).</ref> foi o terceiro Bispo ou [[Patriarca de Antioquia]], dizem ser um possível aluno do [[Apóstolo João]] e supostamente ordenado pelo próprio [[São Pedro|Pedro]]. Inácio foi martirizado em Roma, Ele escreveu uma série de cartas que foram preservadas com sua [[teologia]] católica, porém nada bem vistas, diante do conteúdo que vai contra os ensinos dos apóstolos. Tópicos importantes abordados nessas cartas acerca das doutrinas pregadas no A.T e N.T das escrituras bíblicas ensinando [[sacramentos]], [[mariologia]] (paganismo da Rainha dos Céus, o qual fora implementado através da imagem de Maria para chamar pagãos para o cristianismo ) e instituição de papeis hierárquicos como [[bispos]], e o [[Primazia papal|primado papal]].<ref name="Oxford" /> Nas cartas também prega-se a guarda do [[domingo]],<ref>[http://www.earlychristianwritings.com/text/ignatius-magnesians-roberts.html EPISTLE OF IGNATIUS TO THE MAGNESIANS], chapter IX</ref> Além da unidade e infalibilidade da Igreja [[Catolicismo|católica]]. Ele é o segundo depois de Clemente a mencionar as epístolas de Paulo.<ref name="CC"/>
 
===Policarpo de Esmirna===
1

edição