Soquete de rede: diferenças entre revisões

1 byte adicionado ,  10 de maio de 2018
Um soquete também pode ser o local das placas-mãe destinado a receber a CPU - o processador. Os nomes destes soquetes costumam indicar o número de pinos que o mesmo poderá receber. Ex.: Um soquete PGA 370 só admite processadores com 370 pinos.
 
Um soquete CPU fornece muitas funções, incluindo o fornecimento de uma estrutura física para suportar o CPU, fornecendo suporte para um dissipador de calor, facilitando a substituição (assim como a redução de custos) e, sobretudo formando uma interface elétrica tanto com a CPU e o PCB.
 
Um soquete CPU é feito de plástico e possui um metal ou alavanca e contatos de metal para cada um dos pinos ou terras na CPU. A maioria é desenhada para garantir a inserção adequada da CPU. CPUs com um pacote de PGA são inseridos no soquete e a trava fechada. Isso tem o efeito de garantir e proteger fisicamente o CPU, bem como provocando uma conexão elétrica entre os pinos do processador e do soquete. No caso de a CPU [[LGA]] é colocado no soquete e trava é fechada sobre o CPU, prendendo-o.
Utilizador anónimo