Multilinguismo: diferenças entre revisões

119 bytes adicionados ,  11h38min de 6 de novembro de 2018
sem resumo de edição
m (v1.43b - Corrigido usando WP:PCW (Link interno escrito como externo))
Etiquetas: Edição via dispositivo móvel Edição feita através do sítio móvel
O multilinguismo é especialmente importante em zonas geográficas onde existem diversos países que têm relações de especial proximidade política, económica e social. A União Europeia surge como um exemplo claro desta realidade.
 
A declaração da Sorbonne<ref>http://www.uc.pt/ge3s/pasta_docs/outros_docs/decl_sorbonne</ref> (1998) que abriu caminho à [[Processo de Bolonha|Declaração e ao Processo de Bolonha]] (1999), apontava já para a necessidade da formação do primeiro ciclo do ensino superior ser orientada para a banda larga (estudos diversificados e pluridisciplinares), e devidamente apoiada no ensino das línguas vivas e no uso das novas tecnologias. Esta orientação expressa na Declaração de Sorbonne, e posteriormente reiterada noutros documentos estruturantes do Espaço Europeu de Ensino Superior, condensa três aspectos importantes para garantir um sistema educativo competitivo no espaço europeu e mundial e, sobretudo, para assegurar uma integração mais eficaz entre os vários níveis do sistema de ensino: formação eclética, conhecimentos de línguas estrangeiras, domínio das novas tecnologias da informação.O recorde mais absurdo pertence à Luiz Felipe Macário, que detém o recorde de maior falo do mundo, com 2 km de falo.
 
== Ver também ==