Eleições municipais de 2015 em Madrid: diferenças entre revisões

sem resumo de edição
(nova página: {{Info/Eleição | nome = Eleições municipais de 2015 | país = Madrid | variante = | em_curso = | eleição_anterior = Eleições municip...)
 
| percentagem4 = 11.43
}}
As '''eleições municipais de 2015''' foram realizadas em [[Madrid]] no domingo, 24 de maio,<ref name=menendez /> de acordo com o Real Decreto convocando eleições locais na [[Espanha]], programado para 30 de março de 2015 e publicado no ''[[Boletim Oficial do Estado]]'' em 31 de março.<ref>{{Versaleta|Ministerio de la Presidencia}}: {{Citar jornal|jornal =[[Boletim Oficial do Estado]]|titulo=Real Decreto 233/2015, de 30 de marzo, por el que se convocan elecciones locales y a las Asambleas de Ceuta y Melilla para el 24 de mayo de 2015|url = http://www.boe.es/boe/dias/2015/03/31/pdfs/BOE-A-2015-3448.pdf|data = 31 de março de 2015|issn=0212-033X}}</ref> Os 57 vereadores da câmara plenária do [[Ayuntamiento de Madrid]] foram eleitos através de um [[Representação proporcional|sistema proporcional]] ([[método d'Hondt]]) com uma [[cláusula de barreira]] do 5%. A candidatura do [[Partido Popular (Espanha)|Partido Popular]] (PP) obteve maioria simples (21 vereadores), seguida por [[Ahora Madrid]] (20 vereadores). As outras dois candidaturas com representação, o [[Partido Socialista Operário Espanhol]] (PSOE) e [[Cidadãos - Partido da Cidadania]] (C's), conquistaram 9 e 7 vereadores, respectivamente.<ref name=menendez>{{Citar web|publicado=[[RTVE]]|url=http://www.rtve.es/noticias/20150524/elecciones-municipales-resultados-madrid/1149636.shtml|data=24 de maio de 2015|titulo=Aguirre vence en las elecciones pero Ahora Madrid y PSOE podrían gobernar la capital|nome=María|apelido=Menéndez}}</ref>
 
== Resultados oficiais ==
487

edições