Diferenças entre edições de "Célula-tronco embrionária"

24 bytes removidos ,  15h37min de 16 de setembro de 2019
m
Foram revertidas as edições de 45.225.66.165 para a última revisão de Oxe, de 23h10min de 2 de março de 2017 (UTC)
(Hhhuuuyyyu)
Etiquetas: Edição via dispositivo móvel Edição feita através do sítio móvel
m (Foram revertidas as edições de 45.225.66.165 para a última revisão de Oxe, de 23h10min de 2 de março de 2017 (UTC))
Etiqueta: Reversão
{{Reciclagem|data=junho de 2014}}
{{Wikificação|data=junho de 2014}}
As células do [[zigoto]], são ditas totipotentes, pois podem dar origem a todos os tecidos (ectoderme, mesoderme, endoderme e tecidos extra-embrionários) e suas posteriores especializações. Ao longo das divisões que ocorrem durante o desenvolvimento embrionário, hájhhggiijgfyuubggghjjgghu um estágio chamado de [[blastocisto]], que possui uma massa interna de células envoltas pela trofoectoderme. A trofoectoderme gera apenas os tecidos extra-embrionários, enquanto as células da massa interna são conhecidas como '''células-tronco embrionárias''', ditas pluripotentes porque podem dar origem a todos os tecidos do organismo (ectoderme, mesoderme e endoderme), mas não aos tecidos extra-embrionários<ref name=":0">{{citar web|URL = http://stemcells.nih.gov/info/|título = National Institutes of Health – Stem cells information|data = |acessadoem = |autor = |publicado = }}</ref>.
 
As células-tronco possuem três características gerais: (a) dividem-se dando origem a células iguais a ela, (b) são indiferenciadas e (c) podem dar origem a células especializadas ou diferenciadas<ref name=":0" />.