Diferenças entre edições de "Caso Evandro"

|urlmorta=no
|citação=
}}</ref> a perita criminal Gigi Barreto chamou atenção no caso para a falta de cadeia de custódia com as provas do crime, do fato do casodesaparecimento do menino já ser tratado inicialmente como sequestro (sendo que família do Evandro não é rica) e que é preciso ver quais órgãos estavam faltando dono corpo do Evandro, para assim ligar, ou não, a ritual de magia negra. Também questionou o motivo da família do Evandro investigar por conta própria, que a cena do crime parece forjada e o comportamento de Diógenes frente ao caso. Sobre o fato do pai de santo ter previsto o crime, Gigi Barreto não achou incomum, já que existem casos que foram resolvidos com ajuda de médiuns.<ref>{{Citar vídeo
|pessoas= Gigi Barreto, Freak TV
|data= 15 de maio de 2020