Princípio de Le Châtelier: diferenças entre revisões

→‎Relação com os mols de gás: Melhor explicação a respeito das mudanças em Qp e algumas alterações na organização dos tópicos do artigo
(→‎Pressão: Análise do comportamento do sistema a partir da definição de Kp, e breve conclusão)
(→‎Relação com os mols de gás: Melhor explicação a respeito das mudanças em Qp e algumas alterações na organização dos tópicos do artigo)
 
== Concentração ==
 
=== Análise de efeito da concentração no quociente de reação ===
<math>Q = \frac{[PRODUTOS]^a}{[REAGENTES]^b} </math> , com "a" e "b" sendo definidos para cada elemento a partir da reação em análise.
 
'''Ao se retirar determinada espécie química participante da reação, o equilíbrio se deslocará de forma a formá-la'''
 
=== Exemplo e aplicabilidade ===
 
 
<chem>N2 (g) + 3 H2 (g) <=> 2 NH3 (g)</chem>
 
 
=== Relação com os mols de gás ===
O deslocamento de equilíbrio provocado pela mudança das pressões parciais das espécies químicas ocorre quando há diferença na quantidade esteqiométricaestequiométrica de mols de gás entre reagentes e produtos de uma reação. Isso ocorre porque a variação na pressão (com temperatura constante) está vinculada a uma mudança de volume. Essa variação no volume acarretará mudança desigual nas pressões parcias de reagentes e produtos, fazendo com que se saia da condição de equilíbrio. O sistema agirá, então, no sentido contrário à perturbação, retornando gradualmente ao ponto de equilíbrio.
 
É possível prever qual será o comportamento do sistema seguindo o seguinte raciocínio:
<math>P_a=\frac{n_a}{V} RT</math>
 
Com esse resultado, façamos a análise semelhante à do caso anterior, avaliando o quociente de reação e seguindo a mesma reação exemplo <chem>aA + bB <=> cC </chem> , sendo as letras minúsculas os coeficientes da reação e admitindo todas as espécies no estado gasoso
 
No equilíbrio <math>Q_p = K_p</math> , e Kp é constante em relação aoàs volumepressões parciais.
 
Analogamente ao caso das concentrações, o valor de Qp em condições diferentes do equilíbrio químico nos permite avaliar qual será o caminho percorrido pelo sistema:
 
* Qp < Kp, indica a necessidade de se formar produtos e consumir reagentes
<math>Q_p=\left ( \frac{Pc^c}{Pa^a Pb^b} \right )=\left ( \frac{n_c ^c}{n_a^a n_b^b} \right )\left ( \frac{V^aV^b}{V^c} \right )</math>
* Qp > Kp, indica a necessidade de se formar reagentes e consumir produtos
 
Para que se saiba qual será o efeito da variação da pressão, basta avaliar o que acontece com Qp para essas mudanças.
 
Escrevendo a expressão de Qp e manipulando tem-se que:<math>Q_p=\left ( \frac{Pc^c}{Pa^a Pb^b} \right )=\left ( \frac{n_c ^c}{n_a^a n_b^b} \right )\left ( \frac{V^aV^b}{V^c} \right )</math>
 
sendo as quantidades em mol constantes, Qp varia com o volume segundo a relação:
 
Por outro lado, a diminuição do volume (aumento da pressão) diminui Qp. Assim. há tendência de se formar produtos e consumir reagentes, para que Qp aumente e retorne ao seu valor de equilíbrio. Dizemos que o aumento da pressão favoreceu o sentido de formar produtos.
 
 
 
Utilizador anónimo