Basutolândia: diferenças entre revisões

200 bytes adicionados ,  12h01min de 12 de março de 2021
m
sem resumo de edição
m (v2.03b - Corrigido usando WP:PCW (en dash ou em dash))
m
|moeda =
|dados_area1 =
|dados_população1 = 349. 000
|dados_ano1 = 1904
|notas =
}}
'''Basutolândia''', '''Bassutolândia'''<ref>{{citar web|url=http://ec.europa.eu/translation/portuguese/magazine/documents/folha57_pt.pdf|titulo=Bassutolândia, Bechuanalândia e Suazilândia|ultimo=Correia|primeiro=Paulo|data=Verão de 2018|obra=a folha — Boletim da língua portuguesa nas instituições europeias|acessodata=26 de setembro de 2018|series=N.º 57|paginas=17–20|citação=Nota 14: "As grafias Bassutolândia e Lessoto parecem preferíveis a Basutolândia e Lesoto, pois designam a terra dos sotos e não dos zotos."}}</ref><ref>{{Citar livro | titulo=Topónimos e Gentílicos | ultimo=Fernandes | primeiro=Ivo Xavier | editora=Editora Educação Nacional, Lda. |volume=I | local=Porto | ano=1941 }}</ref> ou oficialmente '''Território da Basutolândia''' foi uma [[colônia da coroa]] britânica estabelecida em [[1884]] por causa da incapacidade da [[Colônia do Cabo]] de controlar o território. A Basutolândia foi dividida em sete distritos administrativos: [[Berea]], [[Leribe]], [[Maseru]], [[Mohale's Hoek]], [[Mafeteng]], [[Qacha's Nek]] e [[Quthing]].<ref>http{{Citar web |url=https://www.britishempire.co.uk/maproom/basutoland.htm |titulo=Basutoland Colony |acessodata=2021-03-12 |website=www.britishempire.co.uk}}</ref> Após sua independência em [[1966]], a Basutolândia foi renomeada como [[Lesoto]].
Após sua independência em [[1966]], a Basutolândia foi renomeada como [[Lesoto]].
 
== Lista de comissários britânicos da Basutolândia ==
* [[Edwin Porter Arrowsmith]]: 24 de Outubro de 1951 - Setembro de 1956
* [[Alan Geoffrey Tunstal Chaplin]]: Setembro de 1956 - 1961
* [[Alexander Falconer Giles]]: 1961 - 30 de Abril de 1965<ref>http{{Citar web |url=https://www.britishempire.co.uk/maproom/basutoland/basutolandcommissioners.htm |titulo=Malaya Colony |acessodata=2021-03-12 |website=www.britishempire.co.uk}}</ref>
 
== Referências ==