Companhia de Pesquisa de Recursos Minerais: diferenças entre revisões

Histórico, cabeçalhos e logomarca
m (Histórico)
(Histórico, cabeçalhos e logomarca)
{{Info/Empresa
|nome_empresa = CPRMSGB - Serviço Geológico do Brasil - CPRM
|razao_social = Companhia de Pesquisa de Recursos Minerais
|logo = CPRM_(2015)[[File:Novalogosgb.jpgpng|thumb|Novalogosgb]]
|logo_tamanho =
|tipo_empresa = [[Empresa pública|Pública]]
|fundação = [[15 de agosto]] de [[1969]] (CPRM)
[[28 de dezembro]] de [[1994]] (SGB)
|sede = [[Brasília]], [[Brasil]]
|presidente = Esteves Pedro Colnago
|num_empregados = 1555<ref>[http://transparencia.gov.br{{Ligação inativa|1={{subst:DATA}} }}]</ref>
|produtos = Mapas geológicos, hidrogeológicos e de risco; avaliação de recursos minerais; análises químicas; levantamentos aerogeofísicos e terrestres
|página = [http://www.cprm.gov.br www.cprm.gov.br]
}}
A '''Companhia de Pesquisa de Recursos Minerais''' ('''CPRM''') é uma empresa governamental [[brasil]]eira, vinculada ao [[Ministério de Minas e Energia]], que tem as atribuições de Serviço [[Geologia|Geológico]] do Brasil. Sua missão básica é "Gerar e disseminar conhecimento geocientífico com excelência, contribuindo para melhoria da qualidade de vida e desenvolvimento sustentável do Brasil".
A Companhia de Pesquisa de Recursos Minerais foi instituída através do decreto-lei nº 764, de 15 de agosto de 1969, como empresa de [[economia mista]] vinculada ao Ministério de Minas e Energia com a missão estratégica de organizar e sistematizar o conhecimento geológico do Brasil. A empresa executava os programas do Departamento Nacional de Produção Mineral - DNPM, do Departamento Nacional de Águas e Energia Elétrica - DNAEE e ainda vendia no mercado serviços de sondagens para água e pesquisa mineral.
 
A estagnação econômica sofrida pela América Latina na década de 80, levou a mudanças institucionais profundas. Em 1994, com a [http://www.planalto.gov.br/ccivil_03/leis/1989_1994/l8970.htm Lei 8.970], a CPRM alterou o regime jurídico vigente para [[empresa pública]]. O foco institucional voltou-se para parcerias com outros órgãos da administração pública nas esferas federal, estadual e municipal. As atividades de sondagem de solo e perfuração de poços são substituídas por pesquisas em geologia e hidrologia básicas, com o desenvolvimento simultâneo das áreas de aplicação: geologia ambiental, [http://www.cprm.gov.br/publique/Hidrologia/Estudos-Hidrologicos-e-Hidrogeologicos-369 hidrogeologia] e [http://www.cprm.gov.br/publique/Gestao-Territorial/Prevencao-de-Desastres-38 riscos geológicos] com objetivos de uso social.
 
A partir dos anos 2000, o SGB passou por uma nova reestruturação com o planejamento estratégico focado em governança corporativa. Retomou importantes mapeamentos como os levantamentos [http://www.cprm.gov.br/publique/Geologia/Sensoriamento-Remoto-e-Geofisica-29 aerogeofísicos] e [http://www.cprm.gov.br/publique/Geologia/Geologia-Basica-26 geológico básicos].  O uso de novas tecnologias e inovações foi incentivado para uso na coleta e divulgação de dados geocientíficos.
== Atribuições ==
 
Em 09 de fevereiro de 2022, a empresa lança a nova identidade visual consolidando a evolução de CPRM para SGB - Serviço Geológico do Brasil. A marca demonstra o reposicionamento da empresa como Instituto de Ciência e Tecnologia (ICT) e reafirma o compromisso de transformar a sociedade por intermédio das [[Geociência|geociências]] e da conexão de pesquisa, gestão pública e sociedade civil.
* Subsidiar a formulação da política mineral e geológica, participar do planejamento, da coordenação e executar os serviços de geologia e hidrologia de responsabilidade da União em todo o território nacional;
 
* Estimular o descobrimento e o aproveitamento dos recursos minerais e hídricos do País;
== Atribuições ==
* Orientar, incentivar e cooperar com entidades públicas ou privadas na realização de pesquisas e estudos destinados ao aproveitamento dos recursos minerais e hídricos do País;
As atribuições do SGB - Serviço Geológico do Brasil - CPRM abrangem todo território nacional e consistem em:
* Subsidiar com dados de pesquisas científicas e tecnológicas a formulação da política mineral e geológica;
* Participar do planejamento, da coordenação e execução dos serviços de geologia e hidrologia;
* Estimular o descobrimento e o aproveitamento dos recursos minerais e hídricos do País;
* Orientar, incentivar e cooperar com entidades públicas ou privadas na realização de pesquisas e estudos destinados ao aproveitamento dos recursos minerais e hídricos do País;
* Elaborar sistemas de informações, cartas e mapas que traduzam o conhecimento geológico e hidrológico nacional, tornando-o acessível aos interessados;
* Colaborar em projetos de preservação do meio ambiente, em ação complementar à dos órgãos competentes da administração publicas das esferas federal, estadual e municipal;
* Realizar pesquisas e estudos relacionados com os fenômenos naturais ligados à terra, tais como terremotos, deslizamentos, enchentes, secas, desertificação e outros, bem como os relacionados à Paleontologia e à Geologia Marinha;
* Ampliar o conhecimento geofísico de todo o território nacional através de aquisições aéreas (executadas desde 1953,<ref>{{citar web|URL = http://www.cprm.gov.br/aero/aero.htm|título = CPRM, Divisão de Geofísica. Catálogo de Projetos Aerogeofísicos|data = |acessadoem = |autor = |publicado = }}</ref> ), em parceria com demais instituições públicas, e realizar levantamentos terrestres, oscom quaiso temobjetivo por objetivosde atender às diretrizes dos projetos desenvolvidos institucionalmente. Com isso o papel da geofísica é sugerir, integrar e melhorar informações geológicas, seja para o mapeamento e análise de áreas de risco, como na avaliação de recursos minerais.
 
== EstruturaUnidades Regionais ==
[[Imagem:Cprm.jpg|direita|thumb|300px|Entrada da '''CPRM''' na cidade do [[Rio de Janeiro (cidade)|Rio de Janeiro]].]]
Por se tratar de uma empresa pública federal, a CPRM conta com infraestrutura operacional instalada em todo o país, conforme listadas abaixo:
*'''Subsidiárias:''' Centro de Controle da Poluição na Mineração (Cecopomin).
 
== Estrutura Organizacional ==
{{Referências}}
O Serviço Geológico do Brasil - CPRM está vinculado ao Ministério de Minas e Energia – MME, através da Secretaria de Geologia, Mineração e Transformação Mineral – SGM.
 
* Ministro de Estado de Minas e Energia: Bento Albuquerque
* Secretário de Geologia, Mineração e Transformação Mineral: Pedro Paulo Dias Mesquita
 
Versão em PDF da estrutura organizacional do SGB - Serviço Geológico do Brasil - CPRM.
 
'''[http://www.cprm.gov.br/publique/media/sobre/organograma_2019.pdf Organograma]'''{{Referências}}
 
== Ligações externas ==
6

edições