Abrir menu principal

Estádio Doutor Jayme Cintra

estádio de futebol no Brasil
(Redirecionado de Estádio Doutor Jaime Cintra)
Jayme Cintra
Estádio Jayme Cintra
Estádio do Dr. Jayme Cintra.jpg
Vista da torcida do Galo.
Nome Estádio Doutor Jayme Pinheiro de Ulhôa Cintra
Características
Local Jundiaí, interior de SP, Brasil
Gramado Grama natural (105 x 68 m)
Capacidade 13.905 espectadores[1]
Construção
Data 1956 e 1957
Inauguração
Data 30 de maio de 1957
Partida inaugural Paulista 3 x 1 Palmeiras
Primeiro gol Belmiro (Paulista)
Recordes
Público recorde 24.552
Data recorde 1º de junho de 1985
Partida com mais público Paulista 1 x 1 Corinthians
Outras informações
Remodelado 2005
Proprietário Paulista Futebol Clube
Administrador Paulista Futebol Clube
Mandante Paulista Futebol Clube

O Estádio Doutor Jayme Pinheiro de Ulhôa Cintra, conhecido como Estádio Jayme Cintra, é um estádio de futebol brasileiro, precisamente paulista. Localizado na cidade de Jundiaí, é propriedade do Paulista Futebol Clube, para seus jogos de futebol. Fica localizado na Praça Doutor Salim Gebran, 1 - Jundiaí (SP).

Foi inaugurado em 30 de maio de 1957, com um amistoso entre Paulista e Palmeiras, no qual o Paulista venceu por 3 a 1. O primeiro gol do estádio foi marcado pelo atacante Belmiro, do time da casa.

Quem foi Jayme Cintra?Editar

 
Busto do Dr. Jayme Pinheiro de Ulhôa Cintra localizado no Complexo Fepasa em Jundiaí

O nome do estádio é oriundo de um ex-presidente da antiga e extinta Companhia Paulista de Estradas de Ferro, cujos funcionários fundaram o clube em 1909.

Jayme Pinheiro de Ulhôa Cintra nasceu no dia 1º de maio de 1886, na cidade de Campinas. Formou-se engenheiro civil em 1907 pela Escola Politécnica, atualmente da Universidade de São Paulo, como primeiro aluno da turma, situação única que lhe garantiu colocação na Companhia Paulista de Estradas de Ferro, como engenheiro praticante, em 1908.

Exerceu o cargo de presidente da Companhia de 1º de janeiro de 1950 a 1º de junho de 1961. Faleceu em 1º de junho de 1962.

Foi um dos principais responsáveis pela construção e iluminação do estádio.

Os 10 maiores públicosEditar

Público Mandante Placar Visitante Data Campeonato
1 24 552 Paulista 1–1 Corinthians 01 de junho de 1985 Campeonato Paulista da Divisão Especial – Primeira Fase, 6ª rodada, 1º Turno
2 24 208 Paulista 0–2 Corinthians 04 de fevereiro de 1979 Campeonato Paulista da Divisão Especial – Primeira Fase, 9ª rodada, 2º Turno
3 22 540 Paulista 1–2 Santos 02 de março de 1969 Campeonato Paulista da Divisão Especial – Primeira Fase, 6ª rodada
4 19 608 Paulista 0–3 Palmeiras 30 de março de 1975 Campeonato Paulista da Divisão Especial – Primeira Fase, 5ª rodada
5 18 942 Paulista 0–0 Corinthians 16 de março de 1975 Campeonato Paulista da Divisão Especial – Primeira Fase, 3ª rodada
6 18 899 Paulista 0–2 São Paulo 01 de maio de 1986 Campeonato Paulista da Primeira Divisão – Primeira Fase, 16ª rodada
7 18 710 Paulista 1–0 EC São Bernardo 11 de novembro de 1984 Campeonato Paulista da Divisão Intermediária – Fase Semifinal, Jogo de Volta
8 18 650 Paulista 0–1 Palmeiras 29 de maio de 1977 Campeonato Paulista da Divisão Especial – Primeira Fase, 2ª rodada, 2º Turno
9 18 551 Paulista 3–1 Palmeiras 30 de março de 1986 Campeonato Paulista da Primeira Divisão – Primeira Fase, 9ª rodada
10 18 235 Paulista 2–0 EC São Bernardo 09 de outubro de 1983 Campeonato Paulista da Segunda Divisão – Fase Semifinal, 6ª rodada

Ver tambémEditar

Referências

  1. «CNEF da CBF» (PDF). Site Oficial da CBF. Consultado em 9 de março de 2012 

Ligações externasEditar