Abrir menu principal
Temple
Uso atual Estação de metropolitano
Administração RATP Metrô de Paris
Linhas Linha 3
Código 08-06
Tipo de estação Subterrânea
Plataforma 2
Informações históricas
Inauguração 19 de julho de 1900
Localização
Localização Rue du Temple x Rue de Turbigo
Próxima estação
Sentido Pont de Levallois Paris m 3 jms.svg Sentido Gallieni
Arts et Métiers République
Temple

Temple é uma estação da linha 3 do Metrô de Paris, localizada no 3.º arrondissement de Paris.

HistóriaEditar

A estação foi aberta em 19 de outubro de 1904, com a entrada em funcionamento do primeiro trecho da linha 3 entre Avenue de Villiers (hoje Villiers) e Père Lachaise.

O nome da estação faz referência à Maison du Temple, agora destruída, que ficava situada no local da atual Place du Temple e as ruas atuais ao norte dela.

Temple é um dos dois nomes compartilhado pelas estações de Londres e Paris, com Saint-Paul. A estação Temple do Metrô de Londres se encontra sobre as linhas Circle e District, entre as estações Embankment e Blackfriars. Como sua homônima parisiense, ela leva seu nome dos Templários.

Em 2011, 1 268 036 passageiros entraram nesta estação[1]. Ela viu entrar 1 207 453 passageiros em 2013, o que a coloca na 287ª posição das estações de metro por sua frequência em 302[2][3].

Serviços aos PassageirosEditar

AcessoEditar

 
Entrada da estação.

A única entrada da estação está localizada em um terrapleno no cruzamento da rue du Temple e da rue de Turbigo (3.º arrondissement), batizado "Place Élisabeth-Dmitrieff" (em homenagem a Élisabeth Dmitrieff) quinta-feira 8 de março de 2007, por ocasião do Dia Internacional da Mulher.

As realizações de Hector Guimard para esta estação de metrô são objeto de uma inscrição ao título dos monumentos históricos desde 29 de maio de 1978.[4]

PlataformasEditar

Temple é uma estação de configuração padrão: ela tem duas plataformas laterais, separadas pelas vias do metrô e a abóbada é elíptica. A decoração é do estilo "Bruno-Gaudin" (renovação do metro da década de 2000) com telhas brancas biseladas recobrindo os pés-direitos, a abóbada, os tímpanos e as saídas dos corredores. Os quadros publicitários são em cerâmica branca e a rampa de iluminação é branca e arredondada. O nome da estação é escrito com a fonte Parisine em placas esmaltadas. As plataformas são equipadas com bancos.

IntermodalidadeEditar

A estação é servida pelas linhas 20 e 75 e, à noite, pelas linhas N12 e N23 da rede Noctilien.

Pontos turísticosEditar

Referências

  1. Entradas anuais provenientes de fora da estação (via pública, correspondências de ônibus, rede SNCF, etc.) Arquivado em 18 de julho de 2014, no Wayback Machine., no site data.ratp.fr. Consultado em 5 de novembro de 2012.
  2. Tráfego anual de entradas por estação (2013) Arquivado em 8 de março de 2013, no Wayback Machine., no site data.ratp.fr, consultado em 31 de agosto de 2014.
  3. O número de 302 estações não inclui a estação fictícia Funicular de Montmartre. Esta última é de fato considerada como uma estação de metrô (e dois pontos de parada) pela RATP e anexada estatisticamente à linha 2, razão pela qual a RATP anuncia 303 estações e não 302.
  4. Mérimée PA00086118, Ministère français de la Culture. (fr)

Ver tambémEditar

 
O Commons possui uma categoria contendo imagens e outros ficheiros sobre Estação Temple