Exército Revolucionário do Povo (Argentina)

O Exército Revolucionário do Povo foi um grupo guerrilheiro argentino, influenciado por ideias de extrema-esquerda Guevaristas (maioria) e Trotskistas (minoria), sendo o braço armado do antigo PRT (Partido Revolucionário dos Trabalhadores). Foi fundado em 1969 por Roberto M. Santucho. Durante a ditadura na Argentina, seu foco de Tucumán foi aniquilado pelo exército, o movimento foi derrotado em julho de 1976 e, Santucho, seu dirigente máximo, foi morto pelo Exército Argentino a mando do capitão Juan Carlos Leonetti em 19 de julho daquele ano.

Wiki letter w.svg Este artigo é um esboço. Você pode ajudar a Wikipédia expandindo-o. Editor: considere marcar com um esboço mais específico.