Fabrizio Verospi

Fabrizio Verospi
Cardeal da Igreja Católica
Prefeito de Congregação para o Clero
Atividade eclesiástica
Diocese Diocese de Roma
Nomeação 30 de agosto de 1627
Predecessor Dom Bonifazio Bevilacqua Aldobrandini
Sucessor Dom Giovanni Battista Pamphilj
Mandato 1627 - 1639
Ordenação e nomeação
Cardinalato
Criação 30 de agosto de 1627
por Papa Urbano VIII
Ordem Cardeal-presbítero
Título São Lourenço em Panisperna (1627-1633)
Nossa Senhora da Paz (1627-1633)
Dados pessoais
Nascimento Roma
1571
Morte Roma
27 de janeiro de 1639 (68 anos)
Progenitores Mãe: Penelope Gabrielli
Pai: Girolamo Verospi
Sepultado Trinità dei Monti
dados em catholic-hierarchy.org
Cardeais
Categoria:Hierarquia católica
Projeto Catolicismo

Fabrizio Verospi (Roma, 1571 – Roma, 27 de janeiro de 1639) foi um cardeal católico italiano.

Filho de Girolamo Verospi e Penelope Gabrielli, tio de Girolamo Verospi, que também foi um cardeal.[1]

Estudou direito em Roma e Perugia e depois na Universidade de Bolonha, onde obteve um doutorado in utroque iure.

Verospi foi elevado a cardeal em 30 de agosto de 1627. No julgamento de Galileu Galilei foi inquisidor, votando pela sua condenação.[2]

Verospi morreu em 27 de janeiro de 1639 e foi sepultado no túmulo da família na igreja Trinità dei Monti.

Referências