Abrir menu principal
Question book.svg
Este artigo ou secção não cita fontes confiáveis e independentes (desde maio de 2016). Ajude a inserir referências.
O conteúdo não verificável pode ser removido.—Encontre fontes: Google (notícias, livros e acadêmico)

A Faculdade de Computação - FACOM é uma das unidades pertencentes a Universidade Federal de Uberlândia

Tem sob sua responsabilidade o ensino, a extensão e a pesquisa na área de Tecnologia da Informação e Teoria da Computação. No Campus Santa Mônica, em Uberlândia, oferece os cursos de graduação em Ciência da Computação - Integral - (Modalidade Bacharelado), graduação em Sistemas de Informação - Noturno - (Bacharelado), Mestrado e Doutorado em Ciência da Computação (Título de Mestre/Doutor em Ciência da Computação). No Campus Monte Carmelo oferece o curso de Sistemas de Informação - Integral - (Modalidade Bacharelado).

Índice

HistóriaEditar

A Universidade Federal de Uberlândia foi fundada em 14 de Agosto de 1978, com a associação de diversas faculdades isoladas como a Faculdade de Engenharia, a Escola de Medicina etc, mas somente em 24 de Maio de 1978 ocorreu sua federalização. Ela foi estruturada em três Centros denominados: Centro de Ciência Exatas e Tecnologia, CETEC; Centro de Ciências Humanas e Artes, CEHAR; e Centro de Ciências Biológicas, CEBIM. No início de 1988 iniciou-se o curso de Bacharelado em Ciência da Computação da Universidade Federal de Uberlândia, inicialmente os professores desse curso estavam lotados nos Departamentos de Matemática e Engenharia Elétrica. Em 17 de Dezembro de 1988, no âmbito do CETEC, foi criado o Departamento de Informática, com docentes provenientes dos departamentos de Engenharia Elétrica e de Matemática. A partir dessa data, as atividades acadêmicas do Departamento de Informática foram estabelecidas, fundamentalmente através do ensino da área de conhecimento Computação para toda Universidade Federal de Uberlândia.

Pós GraduaçãoEditar

O Programa de Pós-Graduação Stricto Sensu em Ciência da Computação (PPG-CC) da Universidade Federal de Uberlândia foi criado em Março de 2001, tendo iniciado suas atividades desde então, com recomendação da CAPES. O Programa desenvolve pesquisas com ênfase em 4 linhas de pesquisa. Conta com 15 professores orientadores permanentes, sendo 4 com Bolsa de Produtividade em Pesquisa do CNPq e 45 alunos de mestrado. Nos últimos anos, tem sido cada vez mais significativa a participação de alunos do PPG-CC no cenário científico nacional, com a apresentação de seus trabalhos nos principais congressos nacionais ligados às quatro linhas de pesquisa. Em 2010, o programa passou pela avaliação da CAPES e obteve nota 4, está, portanto, entre um dos melhores programas de mestrado do país. Em fevereiro de 2012 a FACOM terá a primeira turma de Doutorado em Ciência da Computação.

Linhas de PesquisaEditar

PET Computação e PET Sistemas de InformaçãoEditar

O Programa de Educação Tutorial (PET) foi criado para apoiar atividades acadêmicas que integram ensino, pesquisa e extensão. Formado por grupos tutoriais de aprendizagem, o PET propicia aos alunos participantes, sob a orientação de um tutor, a realização de atividades extracurriculares que complementem a formação acadêmica do estudante e atendam às necessidades do próprio curso de graduação. O estudante e o professor tutor recebem apoio financeiro de acordo com a Política Nacional de Iniciação Científica.

O Programa de Educação Tutorial foi oficialmente instituído pela Lei 11.180/2005 e regulamentado pelas Portarias nº 3.385/2005, nº 1.632/2006 e nº 1.046/2007. A regulamentação do PET define como o programa deve funcionar, qual a constituição administrativa e acadêmica, além de estabelecer as normas e a periodicidade do processo de avaliação nacional dos grupos.

Na Universidade Federal de Uberlândia, existem 31 grupos PET, dos quais 16 com apoio MEC/SESu e 15 são Institucionais. O PET Computação ligado a Coordenação do Bacharelado em Ciência da Computação foi fundado em 1996 e o PET Sistemas ligado a Coordenação do Bacharelado em Sistemas de Informação foi instituído em 2011.

Ligações externasEditar