Abrir menu principal

Francisco Pinheiro de Sousa Werneck

Brasão de Francisco Pinheiro de Souza Werneck, 1882. Arquivo Nacional.

Francisco Pinheiro de Sousa Werneck, segundo barão de Ipiabas (Rio de Janeiro, 26 de outubro de 1837Rio de Janeiro, 15 de abril de 1926)[1].

Índice

BiografiaEditar

Filho de Peregrino José de Américo Pinheiro, visconde de Ipiabas, e de Ana Joaquina de São José Werneck[1]. Casou-se com Francisca Guilhermina de Almeida Werneck, filha de Francisco de Sousa Werneck e de Messias de Almeida[2]. Tiveram uma filha:

No período posterior à Proclamação da República, Werneck foi um dos deputados estaduais que elaboraram a primeira constituição estadual do Rio de Janeiro, em 1892[3].

Título nobiliárquicoEditar

Agraciado com o título de barão, por decreto imperial de 22 de setembro de 1882. O título faz referência a um distrito de Barra do Piraí[2].

Referências

  1. a b Arquivo nobiliárquico brasileiro. Lausana: [s.n.] 1918. 628 páginas 
  2. a b Dicionário das famílias brasileiras. São Paulo: Ibero-América. 1999-2001. 2383 páginas 
  3. Francisco de Vasconcellos. «Edwiges de Queiroz, oitenta anos depois - Parte 1». Instituto Histórico de Petrópolis. Consultado em 25 de novembro de 2017 

Ligações externasEditar

  Este artigo sobre uma pessoa é um esboço. Você pode ajudar a Wikipédia expandindo-o.