Um galho é um ramo secundário fino e pequeno de uma árvore ou arbusto.[1]

Alguns exemplares de galhos.

Os gomos do galho são uma importante característica diagnóstica, assim como as cicatrizes de abscisão onde as folhas caíram.[2] A cor, a textura e o padrão da casca do galho também são importantes, além da espessura e natureza de qualquer parte do galho.

Existem dois tipos de galho, galhos vegetativos e esporas de frutificação. Esporões de frutificação são galhos especializados que geralmente se ramificam nas laterais dos galhos e são grossos e de crescimento lento, com muitas marcas de anéis anulares de épocas passadas. A idade e a taxa de crescimento de um galho podem ser determinadas pela contagem das cicatrizes terminais de inverno, ou pela marcação do anel anular, ou ainda pelo comprimento do galho.[3][4]

Referências

  1. «twig». www.dictionary.com (em inglês). Consultado em 16 de setembro de 2018 
  2. «twig». Cambridge University. Consultado em 2 de agosto de 2020 
  3. «Twig age». Karen Lamiot. Consultado em 2 de agosto de 2020 
  4. «The Twig-Age Method». University of Wisconsin. Consultado em 2 de agosto de 2020 

Ligações externasEditar

  Este artigo sobre Botânica é um esboço relacionado ao Projeto Plantas. Você pode ajudar a Wikipédia expandindo-o.