Grémios da Lavoura

(Redirecionado de Grémio da lavoura)

Os Grémios da Lavoura foram a forma de organização corporativa do sector agrícola português, sucedâneo do mutualismo na agricultura, que vigorou durante o regime do Estado Novo.

Grémio da Lavoura de Coimbra

As bases organizativas dos grémios da lavoura foram fixadas pela Lei n.º 1957, de 20 de Maio de 1937, que estabeleceu as bases para a organização corporativa da agricultura de acordo com os preceitos do Estatuto do Trabalho Nacional.[1]

Os grémios da lavoura podiam ser criados por iniciativa dos interessados ou do governo[2], existindo por todo o território como em Braga[3], Bragança[4] ou Lisboa[5].

Notas

  1. Lei n.º 1957, de 20 de Maio de 1937[ligação inativa], que estabelece as bases para a organização corporativa da agricultura.
  2. Freire, Dulce; Ferreira, Nuno Estêvão (abril de 2019). «The construction of the corporatist system in Portugal (1933-1974)». Tempo. 25 (1): 256–276. ISSN 1413-7704. doi:10.1590/tem-1980-542x2018v250114. Verifique |doi= (ajuda). Consultado em 8 de junho de 2020 
  3. Pereira, Natália. «Organização Corporativa da Lavoura em Portugal: recetividade, dinâmicas e práticas» (PDF). Consultado em 8 de junho de 2020 
  4. Pires, Leonardo Aboim (2019). «Os Grémios da Lavoura no distrito de Bragança e as funcionalidades corporativas nas comunidades rurais» (PDF). População e Sociedade. Consultado em 8 de junho de 2020 
  5. Alves, Jorge Fernandes (2018). «Industriais, grémios da lavoura e cooperativas na estruturação da fileira do leite». Revista CEPIHS. Consultado em 8 de junho de 2020 
  Este artigo é um esboço. Você pode ajudar a Wikipédia expandindo-o. Editor: considere marcar com um esboço mais específico.