Abrir menu principal
Question book.svg
Este artigo ou secção não cita fontes confiáveis e independentes (desde julho de 2010). Ajude a inserir referências.
O conteúdo não verificável pode ser removido.—Encontre fontes: Google (notícias, livros e acadêmico)
Grande Canal visto da Ponte da Academia; em primeiro plano o Palazzo Cavalli-Franchetti e ao fundo a Basílica de Santa Maria della Salute.
Imagem de satélite do Grande Canal de Veneza (2001).

O Grande Canal (em italiano: Canal Grande; em veneziano: Canałasso) é o maior e mais importante canal da cidade italiana de Veneza.

CaracterísticasEditar

O Grande Canal forma a maior via aquática de tráfego da cidade. O transporte público é provido por meio de vaporetti e táxis aquáticos.

Cortando a maior parte da cidade, tem seu "início" na laguna perto da estação de comboios, fazendo uma curva em forma de grande "S" pelos distritos centrais, os sestieri, e termina junto à Basílica de Santa Maria della Salute, próximo à Piazza San Marco. Tem uma profundidade média de cinco metros.

TráfegoEditar

Em razão de concentrar a maioria do trânsito existem ali quatro pontes: Ponte da Academia, Ponte de Rialto (a mais famosa), Ponte dos Descalços e Ponte da Constituição (projetada por Santiago Calatrava).

As pessoas podem realizar um passeio pelo canal, quer por meio de balsas cobertas, chamadas ali de vaporetto, quer por meio de gôndolas.

Principais monumentosEditar

Suas margens são ornadas por alguns dos edifícios mais belos da cidade, entre muitos palazzi estão Palazzi Barbaro, Ca' Rezzonico, Ca' d'Oro, Palazzo Dario, Ca' Foscari, Palazzo Barbarigo e o Palazzo Venier dei Leoni, que abriga a Coleção Peggy Guggenheim. As igrejas ao longo do Canal incluem a Basílica de Santa Maria della Salute e a Igreja do Redentor.

Panorama do Grande Canal de Veneza.
 
O Commons possui uma categoria contendo imagens e outros ficheiros sobre Grande Canal de Veneza
  Este artigo sobre Geografia da Itália é um esboço. Você pode ajudar a Wikipédia expandindo-o.