Guilherme VI de Saint Omer

Guilherme VI de Saint Omer foi o castelão de Saint Omer e senhor de Fauquembergues brevemente em ca. 1246/1247. O genealogista Balduíno de Avesnes registra-o como filho de Guilherme V de Saint Omer, mas Arthur Giry considera-o um irmão mais novo do último, ou seja, foi um dos 11 filhos de Guilherme IV de Saint Omer e Ida de Avesnes.[1] É atestado pela primeira vez em abril de 1207, e aparece depois em vários documentos e cartas, nas quais de 1218 em diante aparece como senhor de Pitgam e depois de Berkin.[2]

Ele sucedeu seu irmão em algum momento entre março de 1246 e sua única atestação como castelão, em agosto de 1247. Pouco é conhecido de seu mandato, que aparentemente foi muito breve; Balduíno de Avesnes meramente registra que esteve nas Cruzadas, onde morreu. Foi sucedido por sua irmã mais velha Beatriz e seu filho Guilherme de Renenges por 1251.[3]

Referências

  1. Giry 1874, p. 332, 349–350.
  2. Giry 1875, p. 96–97.
  3. Giry 1875, p. 96–97, 98, 106.

BibliografiaEditar

  • Giry, Arthur (1874). «Les châtelains de Saint-Omer (1042-1386) (premier article)». Bibliothèque de l'école des chartes (em francês). 35: 325–355. doi:10.3406/bec.1874.446568 
  • Giry, Arthur (1875). «Les châtelains de Saint-Omer (1042-1386) (deuxième article)». Bibliothèque de l'école des chartes (em francês). 36: 91–117. doi:10.3406/bec.1875.446625