Harvard Film Archive

arquivo cinematográfico em Cambridge, Massachusetts

O Harvard Film Archive (HFA) (em português: Arquivo Cinematográfico de Harvard) é um arquivo cinematográfico e uma sala de cinema situada no Centro Carpenter de Artes Visuais da Universidade de Harvard em Cambridge, Massachusetts. Dedicado à recompilação, conservação e exibição de filmes, o HFA alberga uma coleção a mais de 25.000 filmes, além de vídeos, fotos, cartazes e outros objetos cinematográficos de todo mundo e de quase todos os períodos da história do cinema. A cinemateca do HFA projeta filmes semanalmente em sua sala de 188 lugares. Também mantém um centro de conservação de filmes cerca de Central Square, em Cambridge. O Harvard Filme Archive ganhou o Prêmio Webby 2020 a uma instituição cultural na categoria site.[1]

O Carpenter Center, centro onde se encontra o Harvard Filme Archive

HistóriaEditar

O arquivo foi fundado em 1979 por Robert Gardner, Vlada K. Petric e Stanley Cavell no Departamento de Estudos Visuais e Ambientais de Harvard, com subvenções da Fundação Henry Luze e o Fundo Nacional para as Humanidades. Inaugurou-se a 16 de março de 1979 com a projeção do filme muda de Ernst Lubitsch de 1925, Lady Windermere's Fan, adaptação ao cinema da faz de teatro homónima de Oscar Wilde.

O primeiro conservador do arquivo foi Vlada K. Petric, que ampliou a colecção e estabeleceu as projeções regulares durante todo o ano. Aposentou-se em 1995 e em 1999 Bruce Jenkins assumiu o cargo. Em janeiro de 2005, o decano da Faculdade de Artes e Ciências de Harvard, William C. Kirby, anunciou que o arquivo seria absorvido pela Harvard College Library e gerido pela Biblioteca de Belas Artes. Isto provocou certa preocupação na comunidade de Harvard sobre o futuro do arquivo e sua programação. Jenkins demitiu pouco depois do anúncio.[2] Em setembro de 2006, o especialista em cinema, Haden Guest, converteu-se no novo diretor do arquivo. Enfrentou-se à preocupação de que a absorção dos arquivos na Biblioteca afetasse às suas projeções públicas de filmes.[3]

ColeçãoEditar

A colecção de filmes abarca a história do cinema desde a época do cinema mudo até à atualidade, e inclui filmes de Hollywood, documentários, animação, curta-metragem, filmes de série B e de longa-metragem de todo mundo. É a maior coleção de filmes de 35 mm da Nova Inglaterra. A coleção cresce a uma média de 15 a 20 filmes ao ano e contém algumas raridades, como algumas das únicas cópias nos Estados Unidos de vários filmes do director sérvio Dusan Makavejev. Também conta com uma ampla coleção de cinema alemão e o Fundo Cinematográfico de Baviera doa cópias dos filmes que financia.[4] Depois da morte do cineasta Karen Aqua, o arquivo recebeu mais de 300 de suas obras, tanto terminadas como inacabadas.[5]

Como arquivo, a missão fundamental do mesmo consiste em conservar, restaurar e expor as cópias da coleção. Dá prioridade à conservação «fotograma a fotograma» do filme para conseguir manter a autenticidade e a estética guardada nos arquivos.[6]

ReferênciasEditar

  1. Kastrenakes, Jacob (20 de maio de 2020). «Here are all the winners of the 2020 Webby Awards». The Verge (em inglês). Consultado em 8 de março de 2021 
  2. Harvard Magazine, ed. (novembro–dezembro de 2005). «The Harvard Filme Archive» (em inglês). pp. 37–38. Cópia arquivada em 14 de novembro de 2006 
  3. Brokaw, Leslie (12 de novembro de 2006). «New director Guest plans larger role for Harvard Filme Archive». The Boston Globe (em inglês) 
  4. Harvard Magazine, ed. (janeiro–fevereiro de 2004). «Filme Archive Goes Silver» (em inglês). pp. 57–58. Cópia arquivada em 14 de novembro de 2006 
  5. Meek, Tom (16 de abril de 2016). «Local Animator Karen Aqua Remembered In Retrospective At Harvard Filme Archive». WBUR (em inglês). Consultado em 8 de março de 2021 
  6. Austerlitz, Saul (19 de dezembro de 2017). «Preserving history, frame by frame». Boston.com (em inglês). Consultado em 8 de março de 2021 

Ligações externasEditar