Inscrições de Bir el Qutt

As inscrições de Bir el Qutt (em georgiano: ბირ ელ ყუტის წარწერები) são inscrições georgianas sobre mosaicos bizantinos escritas em asomtavruli que foram escavadas no Mosteiro de São Teodoro em 1952[1] pelo arqueológico italiano Virgilio Canio Corbe próximo de Beir el Qutt, no deserto da Judeia, a seis quilômetros a sudeste de Jerusalém e 2 quilômetros ao norte de Belém.[2] As inscrições georgianas foram encontrados num mosaico de chão.[3][4] Delas, três estão datadas: a primeira de 388-392, a segunda de 430 e a terceira de 532.[5][6]

O mosteiro onde as inscrições foram escavadas foi fundado ou reconstruído pelo filósofo e príncipe real georgiano Pedro, o Ibério. Uma das inscrições mencionam-o com seu pai.[7][8] A inscrição mais antiga menciona Bacúrio, o Ibério, que se pensa ser avô de Pedro.[9] Até agora, as primeiras duas gravuras são as inscrições georgianas mais antigas conhecidas. As inscrições são mantidas no museu do Estúdio Bíblico Franciscano em Jerusalém.[10] A inscrição dois que menciona Pedro está atualmente perdida.[11]

Inscrições editar

Inscrição 1 editar

 
Inscrição 1
  • Tradução: "Jesus Cristo, tenha misericórdia de Bacúrio (Bakur) e Griormisdo (Griormizd) e seus descendentes."
  • Data: 430

Inscrição 2 editar

Inscrição 3 editar

 
Inscrição 3
  • Tradução: "Com a ajuda de Jesus Cristo e São Teodoro, Deus tenha misericórdia do abade Antônio e Josias, o piso desse mosaico e o pai e mãe de Josias, Amém."
  • Data: AD 532

Referências

Bibliografia editar

  • Avni, Gideon (2014). The Byzantine-Islamic Transition in Palestine: An Archaeological Approach. Oxford: Oxford University Press 
  • Bowersock, Glen Warren; Grabar, Oleg; Brown, Peter (1999). Late Antiquity: A Guide to the Postclassical World. Cambridge, Massachusetts: Harvard University Press 
  • Hewitt, B.G. (1995). Georgian: A Structural Reference Grammar. Amsterdã: John Benjamins Publishing. ISBN 978-90-272-3802-3 
  • Khurtsilava, Besik (2016). «The inscriptions of the Georgian Monastery in B'ir el-Qutt and their chronology». Christianity in the Midlle East (1): 129-151 
  • Leloir, Louis (1976). Corpus Scriptorum Christianorum Orientalium. Lovaina: Secrétariat du Corpus SCO 
  • Michael Avi-Yonah, Ephraim Stern (1993). Encyclopedia of Archaeological Excavations in the Holy Land Vol. III. Jerusalém: Israel Exploration Society & Cartaz