Instituto Histórico e Geográfico de Piracicaba

Instituto Histórico e Geográfico de Piracicaba
Brasão de Armas do Instituto Histórico e Geográfico de Piracicaba
Sítio oficial www.ihgp.org.br

O Instituto Histórico e Geográfico de Piracicaba (IHGP), fundado em 1 de agosto de 1967, tem como patrono o primeiro presidente civil brasileiro: Prudente de Moraes, que teve grande participação histórica e econômica na cidade de Piracicaba.[1] O objetivo principal do IHGP é preservar a história de Piracicaba por meio de um extenso acervo que registra fatos da cidade e que já extrapola as fronteiras municipais [2]

HistóriaEditar

O Instituto Histórico e Geográfico começou suas atividades por ocasião do Simpósio de Estudos Piracicabanos realizado durante as comemorações do 2º centenário da fundação da cidade de Piracicaba.[1] Inicialmente, as reuniões aconteceram nas dependências do do Instituto de Previdência e Assistência ao Servidor Público da Prefeitura, posteriormente passou a ocupar o prédio da Faculdade de Odontologia de Piracicaba (UNICAMP) e por fim, o prédio do antigo fórum de Piracicaba.[3] Na comemoração dos seus 20 anos o IHGP organizou a exposição "Memória Fotográfica de Piracicaba", com imagens da cidade dos anos 1900, 1920 e 1930, que ficou exposta em diferentes lugares públicos do município.[4]  Em 2016 na posse da gestão 2016-2018, Valdiza Capranico, então presidente, destaca que nos 49 anos do IHGP, houve o intuito de preservação e resgate do patrimônio da cidade, incentivo à publicação de livros, sendo que o processo de divulgação do trabalho do instituto foi intenso na última década, o IHGP foca cada vez mais em uma maior interação com a sociedade por meio da internet e das mídias sociais.[5] Em 2017 o IHGP - instituição privada sem fins lucrativos - se sustenta com um repasse anual do poder público municipal, anuidade dos associados e contribuição de voluntários. No final de 2017 o IHGP depois de décadas instalado no centro de Piracicaba, inicia o processo de mudança para a nova sede no bairro Jaraguá, o maior desafio foi a transposição do acervo que conta com documentos e outros materiais do município, como jornais impressos desde 1880, pôsteres, quadros, esculturas, revistas, fotografias, mapas e livros.[6] A nova sede inaugurada em março de 2018 conta com mais espaço e melhor infraestrutura, possibilitando ao instituto oferecer ao público piracicabano exposições, lançamentos de livros e outros eventos, assim como a visitação de grupos escolares.[7] Com a inauguração da nova sede em 10 de março de 2018[8] o IHGP recebe atenção e prestígio da mídia local, o jornal Gazeta de Piracicaba destaca a dupla missão do instituto de guardião e propagador da história da cidade, com planos em 2018 de intensificar a proximidade com a população, sediar atividades culturais e inicializar o projeto de digitalização do acervo. [9] Enquanto, no mesmo sentido, o jornal A Tribuna Piracicabana explicita a importância e volume do acervo, que é consultado por instituições culturais de todo país e até do exterior, cita que o IHGP é um dos principais guardiões e incentivadores dos trabalhos de pesquisas históricas na cidade.[10]  Em seu aniversário de 51 anos o IHGP promoveu, no dia 1 de agosto de 2018, no Teatro Erotídes de Campos, no Engenho Central, uma comemoração que contou com a apresentação da Orquestra Educacional de Piracicaba e homenagem a pessoas e instituições locais que preservam a história de Piracicaba.[11] A partir de setembro de 2018, o IHGP se empenha junto à Fundação Cultural Raízen no projeto do Museu do Açúcar a ser instalado no Engenho Central, ao proporcionar o espaço de sua sede para as discussões e apresentações do projeto a entidades e personagens locais[12].

Medalha Prudente de MoraesEditar

Segundo a lei municipal 2.122 de 10 de julho de 1974, todos os anos o Instituto pode agraciar com a medalha Prudente de Moraes três pessoas. O premiado é escolhido por votação dos membros efetivos e deve ser um benfeitor cultural ou econômico em Piracicaba.[13] Em julho de 1977, pela primeira vez, o IHGP passa a dar a personagens de destaque ligados a iniciativas em Piracicaba que mantêm a cultura local, a Medalha de Mérito Prudente de Moraes, trata-se de uma das mais altas comendas instituídas em Piracicaba.[14]

PublicaçõesEditar

O IHGP desde o ano 1972 publica uma revista anual. A atividade de publicação da revista foi interrompida por um período e voltou ao seu curso em 1992. Assim como a revista, o instituto publica livros relacionados com Piracicaba e região. Entre as obras é destaque História de Piracicaba em Quadrinhos em dois volumes de autoria de de Leandro Guerrini.[15] Em novembro de 2015 ocorre o lançamento do livro "Carmelo de Piracicaba: Uma História Silenciosa de Amor - Vida de Madre Teresa do Menino Jesus'" de autoria de Juliana Marília Coli, trata da construção do Convento das Carmelitas em Piracicaba, a publicação foi uma parceria do IHGP com o MInistério da Cultura -Minc.[16] Em junho de 2018 o IHGP promove a publicação e o lançamento do livro "Nosso Pecente – A Vida de um Grande Campeão" de autoria de Sônia Barreto, trata da vida desse importante esportista piracicabano.[17] Em junho de 2018 o IHGP financia e promove em sua sede o lançamento do Livro "O mestre da Terra – Vida e Obra de Hugo Almeida Leite", importante personagem ligado à área da agricultura e política na cidade, o livro é de autoria de seus filhos e parte do material utilizado é do acervo do IHGP.[18] Em julho de 2018 o IHGP publica e promove o lançamento do livro de autoria de Edilson Rodrigues de Morais "Monsenhor Juliani – uma vida de fé e doação" sobre a trajetória desse religioso que tanto fez pelos piracicabanos.[19] Em agosto de 2018 o IHGP publica e financia parte do livro "Desenvolvimento e Sustentabilidade – em Piracicaba" de autoria de Barjas Negri, então prefeito da cidade, e Miromar Rosa, o livro destaca política sustentáveis almejadas e implantadas por esse político local.[20]

Referências

  1. a b REVISTA Instituto Histórico e Geográfico de Piracicaba - Número 17, 2010. (Piracicaba: 2010)
  2. Revista Arraso Acontece ano 9 nº 26 (15 de junho de 2015). «Aniversário do IHGP». Revista Arraso Acontece – Piracicaba Jornal de Piracicaba Editora Ltda 
  3. Elias Salum, Instituto Histórico e Geográfico de Piracicaba: Memória dos 20 anos. (Piracicaba: 1987), p. 14
  4. Jornal O Diário (1 de agosto de 1987). «Exposição "Memória Fotográfica de Piracicaba"». O Diário 
  5. A Tribuna Piracicabana (24 de março de 2016). «Posse da nova diretoria no IHGP». A Tribuna Piracicabana 
  6. Gazeta de Piracicaba (10 de novembro de 2017). «IHGP inicia a mudança de sua sede». Gazeta de Piracicaba 
  7. Jornal de Piracicaba (4 de janeiro de 2018). «A nova sede do IHGP». Jornal de Piracicaba 
  8. A Tribuna Piracicaban (17 de março de 2018). «IHGP inaugura sua nova sede». A Tribuna Piracicabana 
  9. Gazeta de Piracicaba (11 de março de 2018). «Inauguração da nova sede do IHGP». Gazeta de Piracicaba 
  10. A Tribuna Piracicabana (14 de março de 2018). «IHGP guardião da história piracicabana». A Tribuna Piracicabana 
  11. Gazeta de Piracicaba (3 de agosto de 2018). «Aniverário de 51 anos do IHGP». Gazeta de Piracicaba 
  12. A Tribuna Piracicabana (1 de setembro de 2018). «Museu do Açúcar». A Tribuna Piracicabana 
  13. Elias Salum, Instituto Histórico e Geográfico de Piracicaba: Memória dos 20 anos. (Piracicaba: 1987), p. 37
  14. Jornal O DIário (28 de julho de 1977). «Entrega da Medalha Prudente de Moraes». O Diário 
  15. REVISTA Instituto Histórico e Geográfico de Piracicaba - Número 18, 2011. (Piracicaba: 2011), p. 224
  16. Jornal de Piracicaba (4 de novembro de 2015). «IHGP lança o Livro "Carmelo de Piracicaba"». Jornal de Piracicaba 
  17. Jornal de Piracicaba (9 de junho de 2018). «Lançamento do livro Nosso Pecente – A Vida de um Grande Campeão». Jornal de Piracicaba 
  18. Gazeta de Piracicaba (5 de junho de 2018). «IHGP lança o livro "O mestre da Terra" em sua sede». Gazeta de Piracicaba 
  19. Gazeta de Piracicaba (27 de julho de 2018). «Livro "Monsenhor Juliani – uma vida de fé e doação" será lançado no IHGP». Gazeta de Piracicaba 
  20. Jornal de Piracicaba (18 de agosto de 2018). «Livro de Barjas Negri é lançado no IHGP». Jornal de Piracicaba 

BibliografiaEditar

  • SALUM, Elias. Instituto Histórico e Geográfico de Piracicaba: Memória dos 20 anos. Piracicaba, 1987.

Ligações externasEditar