Abrir menu principal
Invasão do Golfo de Lingayen
Guerra do Pacífico, Segunda Guerra Mundial
US warships entering Lingayen Gulf 1945.jpg
Uma frota naval americana se aproximando de Lingayen.
Data 6–9 de janeiro de 1945
Local Golfo de Lingayen, Luzon, Filipinas
Desfecho Vitória dos Aliados
Beligerantes
Flag of the United States (1912-1959).svg Estados Unidos
 Austrália
Japão Império do Japão
Comandantes
Flag of the United States (1912-1959).svg Jesse B. Oldendorf
Flag of the United States (1912-1959).svg Walter Krueger
Japão Tomoyuki Yamashita
Forças
Flag of the United States (1912-1959).svg Estados Unidos:
Desconhecido
Baixas
24 navios afundados
67 navios danificados
Desconhecido (presume-se bem altas)

A Invasão do Golfo de Lingayen foi uma operação naval e anfíbia lançada pelos Aliados contra as ilhas Filipinas ocupadas pelo Japão durante a Segunda Guerra Mundial. A missão começou em 6 de janeiro de 1945, quando uma grande frota, liderada pelo almirante americano Jesse B. Oldendorf se aproximaram da costa de Lingayen, na ilha de Luzon. A marinha dos Estados Unidos, apoiada pela marinha australiana, bombardeou intensamente as posições japonesas na costa, expulsando-os de suas posições no Golfo de Lingayen. Três dias depois, a 9 de janeiro, as forças terrestres e navais japonesas na região haviam sido destruídas. Tropas americanas do exército e dos fuzileiros desembarcaram então nas cidades de Lingayen e San Fabian, na província de Pangasinán, conquistando-as rapidamente. Os Aliados então avançaram para conquistar Luzon.[1]

FotosEditar

Referências

  1. Smith, Robert Ross (1993). Triumph in the Philippines (PDF). Washington, D.C.: United States Army. 756 páginas. ISBN 978-1-4102-2495-8. Consultado em 24 de abril de 2015