Abrir menu principal
Isabella Glyn
Nascimento 1823
Edimburgo
Morte 1889 (66 anos)
Sepultamento Cemitério de Kensal Green
Cidadania Reino Unido da Grã-Bretanha e Irlanda
Cônjuge Eneas Sweetland Dallas
Ocupação atriz
Causa da morte câncer

Isabella Glynn (Edimburgo, 22 de maio de 182318 de maio de 1889) foi uma atriz da época vitoriana, tendo centrado a sua carreira na obra de Shakespeare. Nascida em Edimburgo, Isabella participou em vários teatros amadores como atriz, tendo posteriormente viajado para Paris, onde estudou representação.[1]

BiografiaEditar

Em 1846 regressa a Inglaterra, e um ano mais tarde participa na peça Vida e morte do Rei João, interpretando Constance. Em 1848 estreia-se no Royal Olympic Theater como Lady Macbeth, a protagonista da tragédia Macbeth. As aparições de Isabela Glynn no Reino Unido foram inúmeras, e em 1870 viaja até Boston, onde participa em recitais e leituras públicas das obras de Shakespeare.[2]

A atriz terminou a sua carreira como instrutora de teatro. Isabella casou-se duas vezes: o primeiro marido, Edward Wills, como quem viajou até Paris, onde estudou artes dramáticas, morreu prematuramente; o segundo casamento, com o jornalista Eneas Sweetland Dallas, ocorreu em 1853. No decorrer de um atribulado processo de divórcio, Isabella ficou presa durante uma temporada em Holloway, a mesma instituição onde Oscar Wilde foi igualmente encarcerado.

Referências

  1. http://www.evi.com/q/biography_of_isabella_glyn
  2. Shakespeare in the Nineteenth Century, ed. by Gail Marshall, Cambridge, 2012

BibliografiaEditar

  • Shakespeare in the Nineteenth Century, ed. by Gail Marshall, Cambridge, 2012
  • Bartholomeusz Dennis, Macbeth and the Players, Cambridge University Press, 1969