Abrir menu principal

JERS ou JERS-1 (acrônimo de Japanese Earth Resource Satellite 1), também conhecido como Fuyo, foi um satélite artificial japonês lançado no dia 11 de fevereiro de 1992 por um foguete H-I a partir do Centro Espacial de Tanegashima.[1][2][3][4]

CaracterísticasEditar

A missão do JERS foi a de observar a Terra para fazer estudos dos recursos terrestres, controlar plantações e florestas, preservar o meio ambiente, prever desastres e monitorar as costas.[2][3][4]

O satélite tinha a forma de uma caixa de 1 x 1,8 x 3,1 metros e era estabilizado nos três eixos. A alimentação elétrica era fornecida por um painel solar de 8 metros de comprimento e 3,4 metros de largura.[3][4]

O JERS foi injetado em uma órbita inicial de 579,6 km de apogeu, 558,0 km de perigeu, 97,7 graus de inclinação orbital e um período orbital de 96,0 minutos. Reentrou na atmosfera em 3 de dezembro de 2001.[3][4][1][5]

InstrumentosEditar

O JERS levava os seguintes instrumentos a bordo:[4][3]

Referências

  1. a b «JERS 1» (em inglês). Real Time Satellite Tracking. Consultado em 04 de setembro de 2014  Verifique data em: |acessodata= (ajuda)
  2. a b «JERS» (em inglês). Encyclopedia Astronautica. Consultado em 04 de setembro de 2014  Verifique data em: |acessodata= (ajuda)
  3. a b c d e «JERS (Fuyo)» (em inglês). Gunter's Space Page. Consultado em 04 de setembro de 2014  Verifique data em: |acessodata= (ajuda)
  4. a b c d e «Japanese Earth Resource Satellite 1» (em inglês). Consultado em 04 de setembro de 2014  Verifique data em: |acessodata= (ajuda)
  5. «Note verbale dated 23 April 1992 from the Permanent Representative of Japan to the United Nations addressed to the Secretary-General» (em inglês). Consultado em 04 de setembro de 2014. Arquivado do original em 4 de setembro de 2014  Verifique data em: |acessodata= (ajuda)