Abrir menu principal

Jadyr Egídio de Souza[1][2] (Rio de Janeiro-RJ, 9 de abril de 1930 - São Paulo-SP, 13 de agosto de 1977), mais conhecido como Jadir, foi um futebolista brasileiro que atuava como defensor.[1]

Jadir
Informações pessoais
Nome completo Jadyr Egídio de Souza
Data de nasc. 09 de abril de 1930
Local de nasc. Rio de Janeiro (RJ),  Brasil
Nacionalidade brasileiro
Falecido em 13 de agosto de 1977 (47 anos)
Local da morte São Paulo (SP),  Brasil
Canhoto
Informações profissionais
Posição Zagueiro, Lateral-esquerdo
Clubes de juventude
Flamengo
Clubes profissionais
Anos Clubes Jogos e gol(o)s
1952–1961
1962
1962–1963
1963
Flamengo
Cruzeiro
Botafogo
Mallorca
00472 0000(5)
00001 0000(0)
Seleção nacional
1957–1961 Brasil Brasil 00006 0000(0)

Jadir viveu sua melhor fase no Flamengo, formando ao lado de Dequinha e Jordan a inesquecível linha de defesa do Tri Carioca de 1953-54-55. Ao todo, segundo o Almanaque do Flamengo, de Roberto Assaf e Clóvis Martins, atuou em 472 jogos pelo time da Gávea (270 vitórias, 91 empates, 101 derrotas) e marcou cinco gols. Figura nas estatísticas como o 9° jogador com mais jogos pelo clube.

Em 1962, após sair do Fla, fez um único jogo pelo Cruzeiro de Belo-Horizonte-MG e transferiu-se para o Botafogo[3], onde foi campeão carioca daquele ano.

Algumas fontes apontam ainda uma breve passagem pelo Mallorca da Espanha., antes de se aposentar dos gramados.

Pela Seleção Brasileira, de acordo com o livro “Seleção Brasileira 90 Anos”, de Antonio Carlos Napoleão e Roberto Assaf, atuou em seis vezes partidas (duas contra Portugal, duas contra Argentina, uma contra Bulgária e uma contra o Paraguai) obtendo cinco vitórias e uma derrota.

ConquistasEditar

Referências