Janusz Kusociński

Janusz Kusociński
Nome completo Janusz Tadeusz Kusociński
Modalidade Atletismo
Nascimento 15 de janeiro de 1907
Varsóvia, Polônia
Nacionalidade Polónia polonês
Morte 21 de junho de 1940 (33 anos)
Palmiry, Polônia
Compleição Peso: 72 kg Altura: 1,67m
Medalhas
Jogos Olímpicos
Ouro Los Angeles 1932 10 000 m
Campeonato Europeu
Prata Turim 1934 5 000 metros

Janusz Tadeusz Kusociński (Varsóvia, 15 de janeiro de 190721 de junho de 1940) foi uma atleta polonês, vencedor dos 10 000 metros nos Jogos Olímpicos de 1932, em Los Angeles.[1]

Nascido em Varsóvia em uma família de trabalhador de estrada de ferro, Janusz Kusociński, ou Kusy como era apelidado, iniciou no esporte jogando futebol e passou por vários clubes de Varsóvia ainda na época de estudante. Começou no atletismo em 1928 após se associar ao clube esportivo Sarmata. Seu treinador foi o decatleta estoniano Aleksander Klumberg-Kolmpere.

Em sua primeira competição no Campeonato Nacional Polonês, Kusociński venceu de forma surpreendente o cross-country e os 5 000 metros. Perdeu a temporada seguinte porque foi chamado pelo exército polonês a cumprir o dever cívico, mas retornou ainda mais forte. Venceu o campeonato nacional nos 1 500 e 5 000 metros, no cross-country em 1930 e 1931, e os 800 metros em 1932.

Jogos Olímpicos de Verão de 1932Editar

 
Túmulo de Janusz Kusociński em Palmiry

Em 1932 Kusociński estava trabalhando como jardineiro em um parque de Varsóvia.[2] Apenas um mês antes das Olimpíadas de Los Angeles, Kusociński estabeleceu um novo recorde mundial nos 3000 metros (8min18s8) e, mais tarde nesse ano, quebrou oficiosamente o recorde mundial da corrida de 4 milhas com o tempo de 19min02s6. Nos Jogos Olímpicos, Kusociński venceu a disputa contra os finlandeses Volmari Iso-Hollo e Lasse Virtanen nos 10000 metros com o tempo de 30min11s4, o melhor daquela temporada.

Pós-OlimpíadaEditar

Após finalizar em segundo no primeiro Campeonato Europeu em Turim, nos 5 000m, Kusociński decidiu se aposentar do atletismo, mas fez um retorno em 1939 para vencer os 10 000 metros do Cameponato Nacional Polonês

Kusociński atuou como voluntário para o exército polonês após a Polônia ser atacada pela Alemanha Nazi na Segunda Guerra Mundial e acabou se ferindo duas vezes. Durante a ocupação alemã trabalhou como garçom, mas era secretamente um membro da resistência.[2] Janusz Kusociński foi detido pela Gestapo em 26 de março de 1940 durante a operação AB-Aktion. Foi executado três meses mais tarde em Palmiry, perto de Varsóvia.

Ver tambémEditar

ReferênciasEditar

  1. Perfil no Sports Reference
  2. a b Wallechinsky, David (2004). The Complete Book of the Summer Olympics, Toronto: Sport Classic Books. ISBN 1-894963-34-2 (em inglês)

Ligações externasEditar

  • Perfil na página do Comitê Olímpico Polonês