Jean Baptiste François Pitra

Jean-Baptiste-François Pitra (Champforgeuil, 1 de agosto de 1812 - Roma, 9 de fevereiro de 1889) foi um cardeal católico francês, arqueólogo e teólogo.

Jean Baptiste François Pitra
Cardeal da Santa Igreja Romana
Arquivista e Bibliotecário
da Santa Igreja Romana


Vice-Decano do Colégio de Cardeais
Info/Prelado da Igreja Católica
Atividade eclesiástica
Ordem Ordem de São Bento
Diocese Diocese de Roma
Nomeação 19 de janeiro de 1869
Predecessor Antonio Cardeal Tosti
Sucessor Joseph Cardeal Hergenröther (Arquivista)
Domenico Maria Jacobini (Bibliotecário)
Mandato 1869 - 1879
Ordenação e nomeação
Ordenação presbiteral 13 de dezembro de 1836
por Bénigne-Urbain-Jean-Marie du Trousset d'Héricourt
Nomeação episcopal 12 de maio de 1879
Ordenação episcopal 1 de junho de 1879
Capela Sistina
por Papa Leão XIII
Cardinalato
Criação 16 de março de 1863
por Papa Pio IX
Ordem Cardeal-presbítero (1863-1879)
Cardeal-bispo (1879-1889)
Título São Tomé em Parione (1863-1867)
São Calisto (1867-1879)
Frascati (1879-1884)
Porto-Santa Rufina (1884-1889)
Dados pessoais
Nascimento Champforgeuil
1 de agosto de 1812
Morte Roma
9 de fevereiro de 1889 (76 anos)
Nacionalidade francês
dados em catholic-hierarchy.org
Cardeais
Categoria:Hierarquia católica
Projeto Catolicismo

Nasceu em Champforgeuil. Juntando-se à Ordem Beneditina, entrou na Abadia de Solesmes em 1842 e foi colaborador do Abade Migne na Patrologia latina e Patrologia Graeca deste último. Foi eleito cardeal em 1863 e recebeu a igreja titular de San Callisto em 1867,[1] antes de ser nomeado bibliotecário da Biblioteca do Vaticano em 1869. É especialmente notável por suas grandes descobertas arqueológicas, incluindo a inscrição de Autun, e é autor de inúmeras obras sobre assuntos arqueológicos, teológicos e históricos.

Pitra morreu em Roma.

Obras editar

Referências

  1. Cardinal Title S. Callisto – GCatholic.org

Ver também editar