Abrir menu principal

Jorge Augusto da Cunha Gabriel

futebolista brasileiro

Jorge Augusto da Cunha Gabriel, mais conhecido como Jorginho (Belém do Pará, 17 de outubro de 1974), é um ex-futebolista de areia brasileiro. Teve grande destaque Vasco da Gama. É um dos principais artilheiros da história da seleção brasileira de futebol de areia.[1]

Jorginho
Informações pessoais
Nome completo Jorge Augusto da Cunha Gabriel
Data de nasc. 17 de outubro de 1974 (45 anos)
Local de nasc. Belém (PA),  Brasil
Altura 1,75 m[1]
Informações profissionais
Período em atividade 1994–2019 (25 anos)
Clube atual Aposentado
Posição Atacante
Clubes profissionais
Anos Clubes Jogos e gol(o)s
1999-2003
2008
2010-2012
2012-2013
2013-2019
Brasil Vasco da Gama
Itália Catanzaro
Brasil Vasco da Gama
Rússia Krystall
Brasil Vasco da Gama
Seleção nacional
1994–2019 Brasil Brasil 0287 (306)

InícioEditar

"Eu nasci em Belém e vim pro Rio ainda bebê. Sempre joguei na praia e em um desses campeonatos de futebol de praia (11 na linha), fui campeão e eleito o melhor jogador. Isso aconteceu justamente quando começou o beach soccer e o Júnior me viu jogando e me chamou pra jogar na Seleção. Aí começou a minha vida no beach soccer, uma aventura que se transformou na minha paixão em profissão desde 1994" – diz o próprio Jorginho.

TítulosEditar

Vasco da Gama
Krystall
  • Campeão do Campeonato Russo de Beach Soccer (2013)
Seleção Brasileira

Campanhas de DestaqueEditar

Vasco da Gama
Krystall
  • Vice-campeão do Campeonato Russo de Beach Soccer (2012)
Seleção Brasileira

Prêmios IndividuaisEditar

  • Terceiro maior artilheiro da Seleção Brasileira
  • 3 vezes eleito Melhor Jogador do Mundo
  • Melhor jogador e artilheiro das Eliminatórias da Copa do Mundo de 2006
  • Bola de ouro na Copa do Mundo FIFA de Beach Soccer (melhor marcador): 1999, 2004
  • Mundialito MVP: 2004
  • Eleito 'Melhor Jogador' do Campeonato Mundial (2004/1999).

Ver TambémEditar

Ligações externasEditar

Referências

  1. a b «Jorginho | CBBS | Confederação Brasileira de Beach Soccer». cbbsbrasil.com.br. 2012. Consultado em 20 de março de 2012