Abrir menu principal

O Jornal de Piracicaba é um jornal publicado na cidade de Piracicaba (São Paulo) de terça-feira a domingo.[1]
Possui cadernos voltados para reportagens políticas, culturais, de esportes e cadernos especiais de fim de semana, agronegócios, crianças, mulheres e datas especiais. Edita a Revista Arraso. Líder de mercado na região, comprovado pelo Instituto Verificador de Circulação (IVC) ocupa lugar de destaque no segmento de mídia impressa no interior do estado.

Editorias e sessõesEditar

  • Leitor (cartas dos leitores)
  • Opinião
  • Cidade (Caderno A - Cotidiano, Política, Polícia, Educação, Falecimentos)
  • Ciência + Saúde
  • Conjuntura (Caderno B - Economia, Brasil, Mundo)
  • Esportes
  • Cultura (Caderno C)
  • Classificados e Pequenos Anúncios

Cadernos especiaisEditar

  • Não contém cadernos especiais.

HistóriaEditar

Integra o grupo restrito de jornais brasileiros com mais de 100 anos de circulação diária e ininterrupta. O Jornal de Piracicaba nasceu em 4 de agosto de 1900, em meio à intensa agitação econômica e cultural da Piracicaba no início do século XX. Criado pelo engenheiro Manoel Buarque de Macedo, seu primeiro gerente foi Alberto da Cunha Horta e seu primeiro redator foi Antonio Pinto de Almeida Ferraz. Até 1939 o Jornal de Piracicaba pertenceu a diversos proprietários e teve vários chefes de redação. Desta fase, destaca-se o período no qual pertenceu a João Franco de Oliveira (1912-1939) e teve sua redação comandada por Leandro Guerrini. Em 19 de março 1939 foi vendido à firma J. R. Losso & Cia., de propriedade de José Rosário Losso, comerciante, e de seus filhos, o pintor Eugênio Luiz Losso e o médico Fortunato Losso Netto. A edição de 26 de março do mesmo ano foi a primeira sob o comando dos novos proprietários. José Rosário Losso deixou a sociedade em 1942, durante a II Guerra Mundial. Eugênio Luiz Losso trabalhou no jornal até 1974, ano de seu falecimento. Fortunato Losso Netto passou 46 anos à frente do jornal. A família Losso é a atual proprietária do Jornal de Piracicaba.

Referências

  1. «Jornal de Piracicaba». Associação Paulista de Jornais. Consultado em 7 de agosto de 2012. Arquivado do original em 22 de fevereiro de 2014 

Ligações externasEditar

Referências bibliográficasEditar

ELIAS NETTO, Cecílio. Almanaque 2000: memorial de Piracicaba – Século XX. Piracicaba: IHGP, Jornal de Piracicaba, Unimep, 2000.

ELIAS NETTO, Cecílio. Piracicaba política, a história que eu sei – 1942/1992. Piracicaba: Prefeitura Municipal/Ação Cultural, 1992.

PFROMM NETTO, Samuel; MARTINS, Carlos Roberto Sodero. Pena, escudo e lança – cem anos do Jornal de Piracicaba e cronologia piracicabana do século XX. 2ª ed. Piracicaba: Jornal de Piracicaba / PNA, 2003.

QUEIROZ, Adolpho. A trajetória do Jornal de Piracicaba (1900-1997). 1998. Tese (Doutorado em Comunicação Social). Universidade Metodista de São Paulo, São Bernardo do Campo.

QUEIROZ, Adolpho; OLIVEIRA, Dennis de. Jornais centenários paulistas. Comunicação: Veredas. Revista do Programa de Pós-graduação em Comunicação. SP: Ed. Unimar, V.3, n.3, p.13-34, 2004. Disponível em <unimar.br/pos/rev_D/comunicacao%20III.pdf>. Acesso em 8 fev. 2007.