José Maria Jacinto Rebelo

arquiteto brasileiro

José Maria Jacinto Rebelo (Rio de Janeiro, 3 de julho de 1821 — Rio de Janeiro, 14 de dezembro de 1871) foi um arquiteto e engenheiro militar brasileiro com destacada atuação no período imperial.[1]

José Maria Jacinto Rebelo
Nascimento 3 de junho de 1821
Rio de Janeiro, Brasil
Morte 14 de dezembro de 1871 (50 anos)
Rio de Janeiro
Nacionalidade brasileira
Ocupação arquiteto
Obras notáveis Palácio do Itamaraty

Vida e obra editar

Era filho de José Caetano Rebelo e Ana do Sacramento. Casou-se em 1858 com Clara Margarida Mayrink (1837 - 1917), filha do camarista José Carlos Mayrink, irmã do conselheiro Mayrink e do visconde de Mayrink, e sobrinha de Maria Romana Bernardes da Rocha, marquesa de Itamarati.[1]

Foi aluno de Grandjean de Montigny na Academia Imperial de Belas Artes e seguiu a estética neoclássica do mestre. É o autor do pórtico do prédio da Santa Casa de Misericórdia do Rio de Janeiro, cujo traçado geral é de José Domingos Monteiro. Também é o autor do projeto do pórtico monumental do Cemitério do Caju. A ele também é atribuído o projeto do Palácio do Itamaraty.[1]

Foi um dos construtores do Palácio Imperial de Petrópolis, junto com Joaquim Cândido Guilhobel.[1]

Referências

  1. a b c d LESSA, Francisco de Paula Mayrink - Vida e Obra do Conselheiro Mayrink (completada por uma genealogia da família) - Rio de Janeiro - Pongetti - 1975

Bibliografia editar

  • LESSA, Francisco de Paula Mayrink - Vida e Obra do Conselheiro Mayrink (completada por uma genealogia da família) - Rio de Janeiro - Pongetti - 1975