KOffice

conjunto de software de escritório anterior para o ambiente de trabalho KDE

KOffice foi uma suíte de escritório, distribuída junto com a interface gráfica KDE para Linux. Existe uma versão para Windows.

KOffice
Logótipo
Desenvolvedor The KOffice Team
Lançamento 23 de outubro de 2000 (21 anos)[1]
Versão estável 2.3.3 (1 de março de 2011; há 11 anos)
Idioma(s) 27 idiomas
Sistema operacional Microsoft Windows e Linux
Gênero(s) Suite de Aplicativos
Licença Freeware
Estado do desenvolvimento Descontinuado
Tamanho 70 MB (código fonte comprimido)
Página oficial koffice.org (Redireciona para calligra.org)[2]

Possui editor de textos (KWord), planilhas eletrônicas (KSpread), editor de apresentações (KPresenter), banco de dados (Kexi), editor de diagramas (Kivio), aplicativo para desenho vetorial (Karbon14), editor de imagens (Krita), aplicativo para gerenciamento de projetos (KPlato), editor de gráficos (KChart), editor para visualização de fórmulas (KFormula), gerador de relatórios (Kugar), filtros para importação/exportação de arquivos e ainda o KOffice Workspace que gerencia todas as outras aplicações do Koffice, integrando-as.

Em 2010, devido a vários conflitos internos na equipa de programadores, foi criado um projeto paralelo denomidado Calligra Suite. Esta suite foi criada de raiz e incorporou já nela diversas novidades como programação modular e funcionalidades que lhe permitem adaptar-se com relativa facilidade a, por exemplo, dispositivos moveis. Devido ao sucesso desta mesma Suite, o KOffice foi descontinuado em Março de 2011.

Componentes do KOfficeEditar

  KWord Processador de texto
  KSpread Folha de cálculo aplicação que suporta múltiplas folhas de cálculo, modelos e mais de 100 fórmulas matemáticas.
  KPresenter Editor de apresentações com suporte para imagens e efeitos de transição.
  Kivio Editor de diagramas
  Karbon14 Aplicação para desenho vectorial.
  Krita Editor de imagens.
  Kugar e KChart
  KFormula Editor de fórmulas matemáticas.
  Kexi Base de dados
  KPlato Aplicação para gestão de projectos.

Detalhes técnicosEditar

As aplicações do KOffice foram desenvolvidas usando Qt e KDE Platform. Todos os seus componentes são lançados sob licenças software livre e usam OpenDocument como seu formato de arquivo nativo quando possível. O KOffice foi lançado separadamente do KDE SC 4 e pode ser baixado do servidor FTP do KDE. O KOffice 2 passou por uma grande reformulação para usar o sistema de componentes Flake (KDE)|Flake e o sistema de cores Pigment, tanto quanto possível dentro dos aplicativos. Os desenvolvedores do KOffice planejaram compartilhar o máximo de infraestrutura possível entre os aplicativos para reduzir bugs e melhorar a experiência do usuário.[3] Eles também queriam criar uma biblioteca OpenDocument para uso em outros aplicativos do KDE que permitiria aos desenvolvedores adicionar facilmente suporte para leitura e saída de arquivos OpenDocument para seus aplicativos. Automatizar tarefas e estender o conjunto com funcionalidades personalizadas pode ser feito com D-Bus ou com linguagens de script como Python, Ruby, e JavaScript.[4]

Referências

  1. KDE 2.0 Release Announcement
  2. «KOffice.org». Consultado em 30 de novembro de 2018. Arquivado do original em 21 de agosto de 2012 
  3. «KOffice 2.0 Alpha 5 Released». KDE.News. Consultado em 19 de setembro de 2013. Cópia arquivada em 17 de julho de 2012 
  4. «KOffice ODF Sprint Report». KDE.News. 14 de maio de 2007. Consultado em 19 de setembro de 2013 

Ligações externasEditar


  Este artigo sobre software livre é um esboço. Você pode ajudar a Wikipédia expandindo-o.