Abrir menu principal
Karl Unterkircher
Karl Unterkircher em julho 2007
Nome completo Karl Unterkircher
Nascimento 27 de agosto de 1970
Selva di Val Gardena
Morte 15 de julho de 2008 (37 anos)
Nanga Parbat
Nacionalidade Italiano
Cidadania Italiana
Ocupação Montanhista, explorador
Página oficial
karlunterkircher.it

Karl Unterkircher (Selva di Val Gardena, 27 de agosto de 1970 – Nanga Parbat, 15 de julho de 2008) foi um alpinista e explorador italiano. Ele é conhecido principalmente por ter aberto novas rotas em montanha. Em 2004, foi o primeiro alpinista a escalar,sem oxigênio no mesmo ano, os dois picos mais altos da Terra (monte Everest e K2).[1] Karl fez a segunda ascensão do Monte Genyen, na China,[1] (primeira ascensão com uma equipe japonesa em 1987) e a primeira ascensão da face norte do Gasherbrum II (juntamente com Daniele Bernasconi e Compagnoni Michele), também escalou o Jasemba no Nepal com Hans Kammerlander.

Ele recebeu vários prêmios, incluindo a de Cavaleiro da Ordem do Mérito da República Italiana.

Em 15 de julho de 2008, caiu numa crevasse durante uma tentativa de abrir uma nova rota para o topo da montanha Nanga Parbat no Himalaia e foi dado como morto.[1][2] "Karl Unterkircher era a nova estrela do alpinismo", comentou Reinhold Messner, quando falou de sua morte.[2]

O prêmio "Karl Unterkircher" foi conferido pela primeira vez em julho de 2010 em Selva di Val Gardena para o alpinista suíço Ueli Steck. A segunda edição do prêmio aconteceu em 6 de julho de 2012.[3]

Referências

  1. a b c Ariel David (17 de julho de 2008). «Montanhista italiano morto no Pakistan». The Associated Press  Parâmetro desconhecido |acessodate= ignorado (ajuda)[ligação inativa]
  2. a b «'Estrela' do montanhismo morre no Himalaya». Ansa. 16 de julho de 2008. Consultado em 17 de julho de 2008 [ligação inativa] 
  3. «Seconda edição do prêmio Karl Unterkircher acontecerá em 6 de julho de 2012» 

Ligações externasEditar